Governo Bolsonaro inicia privatização da Caixa Econômica Federal

 

pauloguedes-pedro-guimaraes-bolsonaro
Paulo Guedes e Pedro Guimarães, observados por Jair Bolsonaro (Foto: Presidência da República)

O ministro da Economia Paulo Guedes em nome do governo Bolsonaro está iniciando a entrega da Caixa Econômica com a contratação do banco de investimento estadunidense Morgan Stanley para dar início ao processo de privatização da Caixa a partir de seu braço de seguros, a Caixa Seguridade.

Segundo reportagem do jornal O Estado de S.Paulo, o presidente da Caixa, Pedro Guimarães – que é genro de Léo Pinheiro, ex-executivo da OAS que mudou sua delação para incriminar Lula – será uma espécie de garoto-propaganda do processo de privatização, participando de “roadshows” mundo afora com agentes do sistema financeiro.

Especialista em privatizações, Pedro Guimarães assessorou a venda do Banespa e é sócio do banco de investimento Brasil Plural. Alçado à presidência da Caixa, o genro de Leo Pinheiro foi funcionário de Paulo Guedes no BTG Pactual.

Para privatização da Caixa, ele será assessora pelo Morgan Stanley, que foi criado pelo neto do banqueiro J.P. Morgan após a grade depressão nos EUA, em 1935, quando o governo estadunidense proibiu que bancos comerciais atuassem também na área de investimentos. (Revista Fórum)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s