Cesar Pires e Wellington votaram contra o reajuste dos professores

 

welington e Pires
Deputados Cesar Pires (PV) e Wellington do Curso (PSDB)/Foto: Reprodução

Assembleia Legislativa do Maranhão aprovou nesta quinta-feira (6), o projeto de autoria do governo Flávio Dino (PCdoB), que reajusta o piso salarial dos professores do estado com 40 horas semanais em R$ 6.358,96, o piso nacional atualmente é de R$ 2.886,24.

Dos 27 parlamentares que participaram da sessão, apenas os deputados Cesar Pires (PV) e Wellington do Curso (PSDB) votaram contra o projeto e consequentemente o reajuste salarial dos professores.

O deputado Adriano Sarney(PV), também de oposição ao governo Flávio Dino, votou a favor do reajuste mesmo contestando. Ele ainda apresentou uma emenda ao Projeto, mas não foi aprovada.

“..votei a favor mesmo considerando que o Projeto de Lei não é o ideal, mas contem um aumento e por essa razão votei a favor..”, justificou Adriano Sarney.

Cesar Pires e Wellington optaram em transformar a tribuna da Assembleia em palanque e se submeterem a pressão do grupo de professores que estava na galeria e que fazem oposição a atual direção do Sindicato dos Professores.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s