Márcio Jerry sugere que a Via Expressa seja batizada de Avenida Tupinambás

O secretario Márcio Jerry, Cidades do Estado do Maranhão, usou as redes sociais neste sábado, dia 23, para sugerir ao governador Flávio Dino e ao deputado, Othelino Neto, presidente da Assembleia Legislativa, que a Via Expressa seja batizada de Avenida dos Tupinambás.

Para o Márcio Jerry, uma vez que São Luís já homenageou povos Franceses, Holandeses, Portugueses e Africanos, está na hora de fazer o mesmo com os indígenas.

O ex-prefeito de São Luís Edivaldo Holanda Jr. está vivo na política

O ex-prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Jr., se reuniu nesta sexta-feira, dia 22, com o deputado Othelino Neto, presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, o senador Weverton e o vereador, Osmar Filho, presidente da Câmara Municipal da capital.

O encontro que teve como anfitrião o vereador Osmar Filho, mostra que o ex-prefeito Edivaldo Jr. que concluio sua gestão bem avaliado, está ativo na política e deverá ser um dos quadros com protagonismo no pleito eleitoral em 2022.

Ministério Público e FAMEM realizam reunião virtual sobre Carnaval

O Ministério Público do Estado e a Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem), realizaram quinta-feira, dia 21, reunião virtual com o tema “Orientações sobre a prevenção da Covid-19 no período de Carnaval”.

Coordenado pelo procurador-geral de justiça, Eduardo Nicolau, participaram promotores de justiça, integrantes da diretoria da Famem, prefeitos, secretários e assessores municipais.

A discussão central foi a recente Recomendação do Ministério Público do último dia 18 de janeiro, com orientações para coibir eventos e festividades no período carnavalesco, que possam gerar aglomerações.

“Temos que fazer um Maranhão melhor. Juntos, precisamos ter cautela. Não podemos deixar que ocorra uma situação semelhante à de Manaus. Todos nós já sofremos e perdemos conhecidos neste período de pandemia. Precisamos evitar qualquer possibilidade de aglomeração”, enfatizou Eduardo Nicolau.

O secretário-geral da Famem, João Igor Vieira Carvalho (prefeito de São Bernardo), elogiou a Recomendação do Ministério Público e reforçou a necessidade de coibir aglomerações nos municípios.

“A Recomendação trouxe alívio para os prefeitos e para toda a população maranhense. Precisamos ser cautelosos, não podemos tolerar qualquer imprudência que coloque a nossa vida e a dos outros em risco. Temos que sair vitoriosos desse momento”, completou.

Participaram da reunião gestores dos municípios de Rosário, Codó, Arari, Parnarama, São Félix de Balsas, Igarapé do Meio, Olinda Nova do Maranhão, Buriti Bravo, Santa Inês, Balsas, Timbiras, Sambaíba, Sítio Novo, Porto Franco, Satubinha, Paraibano, Santa Luzia do Paruá, Miranda do Norte, Vitorino Freire, Davinópolis, Nova Colinas, São Francisco do Brejão, Maranhãozinho e Arame.

O diretor da Secretaria de Assuntos Institucionais do MPMA, José Márcio Maia Alves, também participou da reunião, além de promotores de justiça de várias comarcas.

Flávio Dino publica nesta sexta, dia 22, decreto que cancela Carnaval

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), deverá publicar e anunciar nesta sexta-feira, dia 22, o decreto que suspende o Carnaval 2021, a ação faz parte do enfrentamento da pandemia no Maranhão.

O objetivo é desestimular aglomeração. A medida foi destacada hoje quinta-feira, dia 21, na CNN Brasil.

A decisão do governador reforça a recomendação do Ministério Público do Estado aos municípios, Policia Militar, Polícia Civil e realizadores de festas, para evitarem a proliferação da Covid-19 durante o período do carnaval, bem como enquanto perdurar a pandemia.

O documento foi assinado pelo procurador-geral de justiça, Eduardo Nicolau, no dia 18 de janeiro. A orientação e para os órgãos negar licenças e autorizações para festividades e demais eventos privados que possam ocasionar aglomeração.

Através de nota a Secretaria de Estado da Cultura ratificou a suspensão do Carnaval no Maranhão.

A Secretaria de Estado da Cultura (Secma) informa que, em razão da falta de vacinação em massa contra a Covid-19, o Governo do Maranhão decidiu não realizar qualquer evento que gere grandes aglomerações, a exemplo do Carnaval. Eventos desse porte só serão retomados pela gestão estadual quando houver segurança sanitária e liberação das autoridades de saúde competentes.

Também não há previsão de nova data para celebração do Carnaval 2021. A definição de um novo calendário da festividade no Maranhão dependerá da liberação das autoridades em saúde Pública.

A Secma esclarece ainda que continuará realizando ações em apoio aos profissionais da arte, assim como foi feito em 2020, quando foram lançados editais públicos com recursos estaduais e por meio da Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc (Lei Federal n° 14.017/20), que beneficiou mais de 3.000 fazedores de cultura de todo o Maranhão.

A fiscalização de festas privadas de pré-carnaval que eventualmente descumpram o decreto estadual n° 36.203, de 30 de setembro de 2020 – norma que autoriza apenas eventos com no máximo 150 pessoas – cabe às prefeituras, à Superintendência de Vigilância Sanitária (Suvisa) e à Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP).

Othelino Neto e Edivaldo Júnior conversam sobre o presente e futuro

O deputado Othelino Neto, presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, recebeu nesta quarta-feira, dia 20, a visita do ex-prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Junior.

No encontro, o parlamentar parabenizou o ex-gestor na capital, pela sua administração no executivo da capital.    

“Eu já havia tido a oportunidade de congratulá-lo durante a sessão de fechamento dos trabalhos desta Casa, mas, agora, pude fazê-lo pessoalmente, em sua visita que muito me honra. Tivemos uma conversa muito proveitosa.., sobre a chegada da vacina contra a Covid-19 e, ainda, sobre o atual cenário político e projetos futuros para o Maranhão (…) É nítido o salto de qualidade que São Luís deu na administração de Edivaldo. Creio que a forte aliança firmada entre os partidos irmãos PDT e PCdoB, iniciada em 2012, tenha contribuído significativamente para isso. E quem sai vitorioso é o povo”, destacou Othelino Neto.

O ex-prefeito Edivaldo Holanda Junior agradeceu o apoio dado pelo presidente da Assembleia Legislativa aos projetos desenvolvidos pela Prefeitura de São Luís durante sua gestão.

“Tive a satisfação de rever o deputado e grande amigo Othelino Neto, para agradecer pelas muitas parcerias que celebramos em favor dos ludovicenses. Ele, que é um parlamentar de forte atuação em todo o Maranhão, contribuiu muito com a nossa capital. Não tenho dúvidas de que sua colaboração como deputado e presidente da Assembleia Legislativa foi fundamental para que São Luís seja a cidade que é hoje”, afirmou Edivaldo Junior.

Ricardo Capelli é o novo Secretário de Comunicação do governo Flávio Dino

O jornalista Ricardo Capelli, ex-presidente da União Nacional dos Estudantes (UNE), é o novo secretário de Comunicação do governo do Maranhão.

Ele atuava como secretário da representação do governo do Maranhão em Brasília.

Antes de trabalhar para o governo do Maranhão, Capelli já atuou no Ministério dos Esportes, no Governo do Rio de Janeiro e na Secretaria Municipal de Nova Iguaçu.

Ricardo Capelli é muito atuante nas redes como articulista de diversos sites. (Revista Fórum)

Baixada recebe vacinais, no Maranhão entrega aos municípios começaram às 7h

A cidade de Pinheiro recebeu, na manhã desta terça-feira (19) as primeiras vacinas contra o coronavírus. Outros municípios da Baixada também receberam as doses.

O Governo do Maranhão começou às 7h desta terça-feira o transporte das vacinas para os municípios. São três aviões, três helicópteros e 30 automóveis fazendo o trabalho. O governo é responsável pelo transporte até os municípios, aplicação é feita pelas prefeituras.

Na primeira fase serão vacinados, trabalhadores de saúde; pessoas de 75 anos ou mais; pessoas de 60 anos ou mais em asilos; população em situação de rua; população indígena, povos e comunidades tradicionais ribeirinhas e quilombolas.

Na segunda fase, são os idosos de 60 a 74 anos. Na terceira fase, são pessoas com diabetes mellitus; hipertensão arterial grave; doença pulmonar obstrutiva crônica; doença renal; doenças cardiovasculares e cerebrovasculares; indivíduos transplantados de órgão sólido; anemia falciforme; câncer; e obesidade grave, com Índice de Massa Corporal igual ou maior que 40 (IMC≥40).

A estimativa é de 1,75 milhão de pessoas nesta primeira etapa, ainda sem data prevista para terminar. Os demais serão vacinados após essa fase, em cronograma também a ser definido pelo Ministério da Saúde.

Maranhão vacina as primeiras pessoas contra a Covid-19

No Maranhão a vacinação contra a Covid-19 foi iniciada na noite desta segunda-feira, dia 18, em ato com a presença do governador Fávio Dino. Os escolhidos em sua maioria são funcionários da Saúde, uma forma de homenagear os profissionais que estão na linha de frente no combate à doença.

Hoje também foi finalizado, a distribuição de agulhas e seringas para todas as Regionais de Saúde do Maranhão. Foram enviados 315.400 insumos, os quais deverão ser utilizados para imunizar o público-alvo nos 217 municípios durante a Etapa 1 da primeira fase de vacinação contra a Covid-19. 

Na etapa 1 da primeira fase de vacinação contra a Covid-19, conforme Informe Técnico do Ministério da Saúde serão vacinadas pessoas com 60 anos ou mais institucionalizadas, pessoas com deficiência institucionalizadas, população indígena aldeada e profissionais da saúde da linha de frente.

Othelino coloca estrutura da AL-MA à disposição para distribuição da vacina

O deputado estadual, Othelino Neto, presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, nesta segunda-feira, dia 18, colocou a estrutura do Poder Legislativo à disposição do governador Flávio Dino e o secretário Carlos Lula para agilizar a distribuição das vacinas no estado.

“..juntos venceremos o coronavírus..”, disse Othelino no twitter.

Carlos Lula comemora recebimento do 1º lote de vacinas para o Maranhão

O secretário de Saúde do Maranhão, Carlos Lula, usou as redes sociais na manhã desta segunda-feira, dia 18, para informar o recebimento das primeiras unidades da vacinas contra a Covid-19, que serão distribuídas no estado.

“Nesse momento estou na câmara fria no Aeroporto de Guarulhos em São Paulo, com nosso lote de vacinas do estado Maranhão, dia histórico que vai nos permitir vencer a pandemia”, comemorou Carlos Lula.