PF cumpri mandados de prisões e buscas em São Luís, Imperatriz e Codó no MA

 

pf
Foto: Reprodução

A Policia Federal deflagrou nesta terça-feira (15/10), nas cidades de São Luís/MA, Imperatriz/MA e Codó/MA, a Operação INTRAMUROS, com a finalidade de reprimir organização criminosa especializada em tráfico de drogas e armas no estado do Maranhão.

Cerca de 150 policiais federais deram cumprimento a 32 mandados de prisão preventiva e 32 mandados de busca e apreensão, todas expedidas pela 1.ª Vara Criminal de São Luís/MA.

As investigações identificaram a atuação de facções criminosas no Estado do Maranhão. O grupo criminoso era dividido de forma estruturada e piramidal e possuía um setor responsável por planejar e realizar tráficos de drogas, armas e outros crimes no estado. Foram identificadas também as principais lideranças da organização criminosa no Maranhão e em outros estados.

Os investigados serão indiciados pelos crimes de tráfico de drogas, porte ilegal de armas e organização criminosa, previsto no artigo 33 da Lei 11.343/2006, artigos 14 e 16 da Lei n° 10.826/03 e o Artigo 2º da Lei nº 12.850/2013.

A operação foi denominada INTRAMUROS em razão da constatação algumas lideranças comandarem as práticas de criminosas do interior dos presídios.

Márcio Jerry debate com movimentos sociais alterações nos limites dos Lençóis Maranhenses

 

lencois-ma-800x450
Foto: Reprodução
Fetaema-1024x768
Deputado Márcio Jerry (PCdoB)/Foto: Reprodução

O deputado federal Márcio Jerry (PCdoB) se reuniu nesta segunda-feira (14), com movimentos sociais no Maranhão para discutirem sobre alterações nos limites do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses.

O encontro aconteceu na sede da Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras do Estado do Maranhão (Fetaema). Seguimentos da sociedade maranhense  estão preocupados com impactos sociais e ambientais na área.

“Comunidades tradicionais estão preocupadas e isso precisa ser avaliado devidamente. Incrementar a economia do turismo sem depredar o meio ambiente, tampouco marginalizar comunidades, é o nosso objetivo”, disse Márcio Jerry.

 

TJ-MA lamenta morte do juiz encontrado na piscina da própria casa

 

fernando-cruz
juiz Fernando Cruz/Foto: Reprodução

A policia do Maranhão segue investigando as circunstâncias em que morreu o juiz Fernando Luiz Mendes Cruz, encontrado morto na manhã desta segunda-feira (9), na sua residência no bairro do Olho D’Agua, em São Luís.

Ele atuava na 7ª Vara Criminal de São Luis e foi encontrado já sem vida dentro da piscina  na sua residencia.

O Tribunal de Justiça do Maranhão, através de nota assinada pelo presidente José Joaquim Figueredo dos Anjos, lamentou o ocorrido e se solidarizou com a família do juiz.

Nota

O Presidente do Egrégio Tribunal de Justiça do Maranhão, Desembargador José Joaquim Figueiredo dos Anjos, em nome dos demais desembargadores membros da Corte e da Família Judiciária Maranhense, vem externar profundo pesar pela perda do juiz Fernando Luiz Mendes Cruz, titular da 7ª Vara Criminal da Comarca de São Luís.

O Desembargador José Joaquim Figueiredo dos Anjos presta condolências, expressando os mais sinceros pêsames pelo falecimento do juiz Fernando Luiz Mendes Cruz, solidarizando-se com seus pais e familiares, desejando conforto e serenidade em momento tão difícil de imensurável perda.

Desembargador José Joaquim Figueiredo dos Anjos
Presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão

‘Assembleia em Ação’ aproximará Legislativo Estadual aos municípios maranhenses

 

assembleia-legslativa-maranhao-940x540
Foto: Reprodução

De iniciativa da Mesa Diretora, foi criado o programa “Assembleia em Ação” no âmbito do Poder Legislativo do Maranhão. O objetivo é trocar conhecimentos e experiências entre a Assembleia Legislativa, em diferentes áreas de atuação, com as Câmaras de Vereadores maranhenses.

A primeira edição acontecerá no dia 13 de setembro, em Balsas. Para o deputado Othelino Neto (PCdoB), o programa pretende levar o Legislativo estadual ao interior do Maranhão, uma vez que as pessoas ainda têm pouco conhecimento sobre o papel da Assembleia Legislativa.

“Nós percebemos que muita gente não conhece bem a finalidade do Poder Legislativo estadual. Então, esse programa tem por objetivo fazer com que a Assembleia chegue a todo o Maranhão, não só através dos veículos de comunicação, mas pela presença dos deputados ouvindo a população e os agentes políticos locais. Pretendemos fazer com que a Assembleia chegue a todos os 217 municípios do Maranhão”, afirmou Othelino.

Revogadas limares de transferências para Curso de Medicina da UEMA em Caxias

 

liminar-500x279
Foto: Reprodução

O caso das transferências no Curso de Medicina da UEMA (Universidade Estadual do Maranhão), na cidade de Caxias, autorizadas através de liminares teve um desfecho importante nesta quarta-feira (4), cinco das dezessete autorizações foram revogadas.

O caso foi denunciado semana passada na Assembleia Legislativa, onde o deputado Yglésio Moisés (PDT), chegou a colher assinaturas para instalação de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito), para apurar a denuncia de professores, pais e alunos.

Segundo Yglésio, a decisão de revogar é um passo importante, mas que não significa a solução do problema em definitivo.

“Hoje tivemos a revogação de cinco decisões liminares, o juiz sentenciou enveredando pela não ajuizamento da ação principal do processo considerou que apenas a ação cautelar, como ação assessoria, não seria substancialmente suficiente para dar prosseguimento ao feito e diante optou extinguir os cinco processos. Mas, ainda há vários  ações para serem analisadas e esperamos que o bom censo prevaleça”, avaliou o deputado Yglésio.

A decisão foi do juiz Sidarta Galtama da 1ª Vara Cível de Caxias, o mesmo que havia autorizado liminarmente as transferências de estudantes de instituições particulares de outros estados e exterior para UEMA, instituição pública.

Flávio Dino e Bolsonaro voltam se encontrar na reunião com governadores da Amazônia Legal

 

forum-de-governadores-amazonia
Foto: Reprodução

Governadores da Amazônia Legal se reunirão na manhã desta terça-feira (27), com o presidente Bolsonaro. O objetivo será discutir e encontrar saídas para o problema envolvendo a Amazônia. A reunião acontece no Palácio do Planalto às 10h,

“Melhor modo de defender a indeclinável soberania nacional sobre a Amazônia é exercê-la em sua plenitude, cuidando bem do que é nosso. Para tais cuidados serem efetivos, a ajuda internacional pode ser útil. Não há razão para recusá-la apenas por extremismo ou por brigas pessoais”, destaca Flávio Dino.

A agenda sobre Amazônia colocará novamente o presidente Bolsonaro (PSL) e o governador Flávio Dino (PCdoB) frente a frente. De posições políticas e ideológicas antagônicas o reencontro está causando certa expectativa.

Participam da reunião os governadores do Maranhão, Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins e Mato Grosso.

Governador Flávio Dino anuncia nova presidente do Viva-Procon

 

Procom
A advogada Adaltina Queiroga e o governador Flávio Dino/Foto: Reprodução

“Na próxima semana, a advogada Adaltina Queiroga, atualmente Secretária Adjunta na Casa Civil, assumirá a presidência do VIVA/PROCON. A atual presidente, Karen Barros, será Secretária Adjunta na Educação”, disse Flávio Dino no twitter.

A mudança atinge diretamente o deputado Duarte Junior, uma vez que sai da presidência Karen Barros, sua namorada, e deve ainda ter relação com os embates entre o deputado e outros parlamentares da base do governo na Assembleia Legislativa.