Para Flávio Dino interesses ‘eleitoreiros’ de Bolsonaro estão acima aos do país

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), reagiu nesta quarta-feira, dia 7, a estratégia do governo Bolsonaro em adiar para depois das eleições municipais, medidas importantes para o país, principalmente na área econômica.

“Inacreditável que, por razões puramente eleitoreiras, o governo federal esteja adiando todas as definições econômicas para depois de 15 de novembro. E ainda haverá 2º turno. Desemprego, câmbio, inflação de alimentos, tudo vai ser solucionado em poucas semanas antes do Natal ?”, lamentou Flávio Dino.

Segundo matéria publicada no jornal O Estado do SP, o presidente está “fazendo política”, o objetivo é ficar “quietinho” e deixar medidas impopulares e duras, como financiamento do Renda Cidadã, para depois das eleições municipais. A negociação agora pode atrapalhar a estratégia do presidente e seus aliados de “varrer o PT” do Nordeste. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s