Carlos Lula crítica demora nas ações contra a Monkeipox

O ex-secretário de Saúde do Maranhão, Carlos Lula, ao destacar o primeiro caso confirmado de monkeipox (varíola do macaco) no Maranhão, nesta quarta-feira, dia 10, criticou o governo Bolsonaro pela falta de empenho rápido na preparação do enfrentamento à doença no Brasil.

“Primeiro caso positivo de monkeypox confirmado no Maranhão. Como sempre lamentamos a resposta tardia do Ministério da Saúde a uma emergência de saúde global. Afinal de contas, cadê a vacina?(..) Na escalada de casos no país, o Ministério conseguiu acabar com o gabinete de crise para observar a doença e depois foi obrigado a reabri-lo. São os piores da história. Com alguma folga”, disse Carlos Lula.

Carlos Lula estava à frente da Secretária de Saúde durante a Pandemia da Covid-19. Ele também presidio o Conselho Nacional dos Secretários Estaduais de Saúde (Conass)´durante o período. O Maranhão foi um dos estados que melhor atuou no enfrentamento a Covid-19.

Advogado e filiado ao PSB, Carlos Lula, é candidato a deputado estadual, a saúde é sua principal bandeira na campanha.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s