Bolsonaro repudia violência contra jornalistas e a liberdade de imprensa

 

Foto: Reprodução

O presidente Bolsonaro que habitualmente ataca veículos e profissionais de imprensa, se solidarizou com Marina Araújo e Renata Vasconcelos, alvos de ataques nesta quarta-feira (10), durante invasão solitária de um homem na sede da TV Globo no Rio de Janeiro.

Um relatório da Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ) revelou que em 2019 os ataques a veículos e profissionais de imprensa no Brasil cresceram 54%. Os políticos foram responsáveis por quase 70% do total dos ataques, só o presidente Bolsonaro, foi autor de quase 60% dos registros.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s