Alto Comando do Exército quer ‘punição exemplar’ para Pazuello

Do Uol

O general Pazuello já admitiu informalmente ao comandante do Exército, general Paulo Sérgio, que foi um erro participar do ato político com Jair Bolsonaro, no Rio de Janeiro, no domingo, dia 23.

Porém, apenas admitir informalmente o erro não basta. Ele deverá ser submetido a um procedimento interno sobre o fato.

Pazuello terá que formalizar suas explicações ao comando que, só depois decidirá seu futuro.

De acordo com o artigo 45 do Estatuto Militar, oficiais da ativa não podem participar de atos políticos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s