Alto Comando do Exército quer ‘punição exemplar’ para Pazuello

Do Uol

O general Pazuello já admitiu informalmente ao comandante do Exército, general Paulo Sérgio, que foi um erro participar do ato político com Jair Bolsonaro, no Rio de Janeiro, no domingo, dia 23.

Porém, apenas admitir informalmente o erro não basta. Ele deverá ser submetido a um procedimento interno sobre o fato.

Pazuello terá que formalizar suas explicações ao comando que, só depois decidirá seu futuro.

De acordo com o artigo 45 do Estatuto Militar, oficiais da ativa não podem participar de atos políticos.

Covid-19: no MA estabelecimentos comercias poderão ser punidos se não cumprirem decreto

 

punição

O número de casos de contaminação do Covid-19 confirmados no Maranhão subiu para 88. O próprio governador Flávio Dino informou nesta sexta-feira (3), ao fazer um balanço das ações no estado de enfrentamento da crise causada pelo novo coronavírus.

boletim 88

Flávio Dino fez mais uma vez um apelo à população para respeitar as determinações de prevenção e demonstrou preocupação especial com profissionais da área de saúde, uma vez que já há casos de contaminação confirmados no estado. Os testados positivos até o momento se concentram em São Luís, Paço do Lumiar, Imperatriz, Açailândia e São José de Ribamar.

O governador disse ainda que a partir da próxima segunda-feira (6), a fiscalização em estabelecimentos comercias não-essências será intensificada e os proprietários poderão ser punidos principalmente com multas, caso não respeitem a determinações oficias de prevenção.

“Vamos aplicar a Lei Federal que trata do regime sanitário do Brasil…, quando as pessoas descumprem orientações ou determinações, relativas à saúde pública, elas podem ser responsabilizadas em nível criminal, o que caberá ao Ministério Público e ao poder Judiciário. Mas, elas podem sofrer também sanções administrativas”, alertou Flávio Dino.

Nas redes sociais o Secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, reforçou o apelo do governador Flávio Dino, sobre a importância da prevenção. Ele demonstrou a projeção do número de casos com e sem as medidas preventivas que foram adotadas.

curva achatada

“A projeção era pra termos 220 casos, temos 88. O número deveria ser menor. Torço para a sociedade nos ajudar nessa tarefa. Boletim no site, com muitos indicadores interessantes”, disse Carlos Lula.

O governo do Maranhão determinou também hoje a prorrogação até 26 de abril as aulas, valendo para instituições públicas e privadas. O fechamento do comércio foi estendido até dia 12. O motivo é o aumento rápido de casos de contaminação nos últimos dias.