Ainda ‘ferido’ Wellington diz que sofreu um ‘duro e baixo golpe’, mas seguirá em frente

Recluso desde a semana passada quando teve sua pré-candidatura à prefeito de São Luís, negada pelo PSDB de Roberto Rocha no Maranhão, o deputado Wellington do Curso, nesta terça-feira (1º), voltou ao debate político na capital, ao usar a tribuna da Assembleia Legislativa para dizer que sofreu um ‘golpe baixo e rasteiro’.

Ele estava visivelmente ainda ‘ferido’, magoado e decepcionado, principalmente com o deputado federal, Eduardo Braide (Podemos), que ganhou o apoio do PSDB, com sua saída da disputa.

“.. eu não acreditava que Braide fosse ser covarde ao ponto de me atacar, de retirar a minha pré-candidatura com um golpe baixo e rasteiro (..) O Braide tem culpa? Tem! Ele fez uma publicação agradecendo ao PSDB e o senador Roberto Rocha..” destacou Wellington.

Sobre seu futuro político e participação nas Eleições em São Luís, disse ser liderança política na capital, e não ficará ‘em cima do muro’, em breve anunciará sua posição.

“..eu não sou homem de ficar em cima do muro, como cidadão, como eleitor e também como liderança política em São Luís..“, completou Wellington.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s