Rodoviários anunciam nova greve em São Luís, nesta quarta dia 16

Em Assembleia Geral os profissionais do transporte coletivo em São Luís, decidiram nesta terça-feira, dia 15, deflagrarem greve mais uma vez greve a partir desta terça-feira, dia 16, no Sistema de Transporte Público na capital.

“Encaminhamos para os patrões, a proposta da nossa Convenção Coletiva de Trabalho, com vigência para 2022, desde o final do ano passado. Todas as vezes que fomos chamados para nos reunir com o SET, comparecemos em todos os encontros, mas em nenhum deles, os empresários apresentaram uma contraproposta, até chegarem ao cúmulo, de perante o procurador do trabalho e representantes do município de São Luís, pedirem a demissão de todos os cobradores. Não aceitaremos tamanha injustiça e desrespeito com a nossa categoria. A greve será deflagrada nesta quarta (16), por decisão unânime dos trabalhadores e esperamos, que assim como aconteceu em outubro do ano passado, a adesão ao movimento seja de 100%. Vamos a luta companheiros!”, destacou Marcelo Brito, Presidente do Sindicato dos Rodoviários do Maranhão

Prefeitura de São Luís terá que realizar obras em Tauá-Mirim

O Município de São Luís terá que recuperar a única rampa de embarque e desembarque da ilha de Tauá-Mirim, possibilitando o transporte adequado e regular de passageiros. Também deverá realizar a coleta dos resíduos sólidos produzidos pelas famílias residentes na localidade; reformar a Unidade Básica de Saúde e estruturar com os equipamentos necessários para seu funcionamento.

A determinação é do juiz titular da Vara de Interesses Difusos e Coletivos, Douglas de Melo Martins,, na ação civil proposta pelo Ministério Público Estadual.

O juiz determinou que em 90 dias sejam iniciadas as obras de recuperação da rampa de embarque e desembarque e que, em 30 dias, o Município adote providências em relação à coleta dos resíduos sólidos (lixo domiciliar), implementando as medidas necessárias para a imediata destinação desses resíduos.

O magistrado deu o prazo de um ano para a reforma e estruturação da Unidade Básica de Saúde (posto de saúde), de forma a viabilizar a realização de exames, consultas, entrega de medicamentos e aplicação de vacinas.

Prefeitura de São Luís terá que resolver situação dos felinos da ‘Praça dos Gatos’

A desembargadora Maria Francisca Gualberto de Galiza, da 4ª Câmara Cível do TJ-MA, confirmou a decisão da Vara de Interesses Difusos e Coletivos de São Luís que deu prazo de um ano para que a Prefeitura resgate, cuide, identifique e busque abrigo e adoção para todos os animais que se encontrem na chamada “Praça dos Gatos”.

Na decisão, a desembargadora manteve a multa diária de R$ 1 mil em caso de descumprimento da sentença e reduziu para R$ 100 mil a condenação por danos morais coletivos aplicada ao Município.

Localizada na Avenida dos Africanos, a ‘Praça dos Gatos’ foi transformada em local de abandono de animais, a maioria felinos.

A ação de 217 é de autoria do promotor de justiça Luís Fernando Cabral Barreto Júnior, titular da 1ª Promotoria de Justiça de Proteção ao Meio Ambiente, Urbanismo e Patrimônio Cultural de São Luís. Segundo ele, a proteção aos animais está assegurada pela Constituição Federal.

A partir desta quarta-feira, dia 23, vacina só para 2ª dose em São Luís

A Prefeitura de São Luís comunicou no inicio da noite desta terça-feira, dia 22, que a apenas as pessoas agendadas para receber a SEGUNDA DOSE da vacina contra a Covid-19, serão vacinadas a partir de quarta-feira, dia 23.

Segundo a Prefeitura, tão logo que o município receba novas doses anunciará o calendário para quem perdeu a vacina.

A falta de vacinas é visto com preocupações com por gestores para cumprir o cronograma de vacinações. De acordo com publicação da Folha de SP nesta terça-feira, dia 22, pelo menos seis capitais anunciaram a suspensão da vacinação pelo mesmo motivo: São Paulo, João Pessoa, Aracaju, Florianópolis, Campo Grande e Salvador.

Prefeitura de São Luís adere ao Programa Time Brasil da CGU

São Luís capital do Maranhão é a primeira no Brasil a aderir ao programa Time Brasil, da Controladoria Geral da União (AGU), que vai garantir mais transparência nos gastos públicos e combate a corrupção.

“São Luís é a primeira capital a fazer parte do Time Brasil, este trabalho que é coordenado pela CGU e vai ter participação de diversas secretarias municipais para que os gastos públicos ocorram de forma mais transparente, para que haja mais controle social e participação popular em todos os aspectos, e para que se tenha certeza da boa aplicação dos recursos públicos, que são frutos dos impostos pagos pela população, em São Luís”, destacou Eduardo Braide.

O programa se dará de forma cooperada entre  CGU e a Prefeitura de São Luís. Para isso, foi criado um grupo de trabalho formado pela Controladoria-Geral do Município (CGM), as secretarias de Administração (Semad), Saúde (Semus), Educação (Semed), da Criança e Assistência Social (Semcas) e a Comissão Permanente de Licitação (CPL).

O termo de adesão ao Programa Time Brasil foi assinado pelo prefeito Eduardo Braide, a Superintendente da CGU no Maranhão, Leylane Maria da Silva, e o coordenador do programa Time Brasil, Wellington Resende.

Edivaldo Holanda Jr e Eduardo Braide oficializam processo de transição em São Luís

O prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PDT), se reuniu com o prefeito-eleito, Eduardo Braide (Pode), na tarde desta desta sexta-feira, dia 4, no Palácio de Lá Rardière, sede do governo municipal na capital maranhense.

O encontro marcou de modo oficial o processo de transição para os próximos quatro anos na administração municipal.

A equipe indicada por Eduardo Braide é formada por: Dra. Marília Gomes (Servidora Pública), Flávio Olímpio (Advogado e Contador), Elisabeth Castelo Branco (Professora) e Max Barros (Engenheiro Civil).

“..divisão levou ao resultado da eleição em São Luís..”, Dino em entrevista ao Uol

O governador Flávio Dino (PCdoB), durante entrevista nesta segunda-feira, dia 30, ao site Uol analisou o resultado das eleições 2020 no Maranhão, Brasil e as perspectivas para 2022.

Sobre a divisão da base de apoio ao governo e a vitória de Eduardo Braide em São Luís contra Duarte Jr, o governador disse que em 2018 foi formada uma forte aliança, porém não foi possível mantê-la em 2020.

“Em 2018 fizemos uma ampla aliança estadual e lutamos para mantê-la em 2020, isso foi possível na maioria das cidades, em São Luís havia um candidato favorito desde 2016, que foi o eleito Eduardo Braide, que tinha obtido quase 50% dos votos naquele ano. Em 2020 não foi possível unificar todo nosso campo para enfrentá-lo, houve a dispersão no primeiro turno, com o compromisso que haveria uma ampla união, isso infelizmente não ocorreu. E isso foi determinante para o resultado eleitoral. A base de apoio ao governo se dividiu, uma parte dela, como por exemplo PDT e DEM optaram por apoiar o candidato da oposição, e ainda, que por estreita margem ele acabou sendo o vencedor. Isso leva a um processo de revisão do nosso campo político visando as eleições de 2020”, avaliou Flávio Dino.

Flávio Dino diz que governo continuará parceria com os 217 municípios do MA

O governador Flávio Dino (PCdoB), disse neste domingo, dia 29, que está satisfeito com resultado das eleições no país, e que o governo continuará a parceria com os 217 municípios maranhenses.

As declarações de Dino foram feitas na manhã de hoje, após votar em Durte Jr. (Republicanos), no 2º turno das eleições em São Luís.

De acordo com ele, os partidos do campo progressista no estado elegeram cerca de 180 prefeitos e também muitos vereadores, o que confirma o fortalecimento da base de apoio ao governo.

“.. tivemos um resultado bastante importante no país até aqui para o campo político popular e progressista da esquerda, estou confiante que isso se confirme no segundo turno (..) partidos aliados venceram em aproximadamente 180 cidades das 217 no Maranhão, ou seja, o campo de apoio ao governo continua bastante amplo, evidentemente que vamos trabalhar com os 217 municípios, independente do resultado em São Luís..”, disse Flávio Dino.

“.. amizade com Flávio Dino é sólida e baseada em respeito e dialógo..”, Weverton

O senador Weverton (PDT), no inicio da tarde desta quarta-feira, dia 18, foi às redes sociais chamar de ‘boatos’ informações sobre um suposto rompimento político entre ele e o governador Flávio Dino.

“A verdade é que minha amizade com @FlavioDino é sólida, baseada em respeito mútuo e diálogo”

O boato ao qual Weverton se refere começou após anuncio do apoio do deputado Neto Evangelista (DEM), e do vereador Osmar Filho (PDT), presidente da Câmara Municipal, ao candidato Braide em São Luís.