Governador Flávio Dino instala na CEASA primeiro Banco de Alimentos de São Luís

 

Screenshot_2019-06-01-17-48-24-1-1-1
Secretários Ivaldo Rodrigues (Agricultura e Abastecimento de São Luís), Márcio Honaiser (Agricultura, Pecuaria e Pesca do MA) e o governador Flávio Dino/Foto: Reprodução

Com objetivo de ampliar a política de combate a insegurança alimentar e o desperdício, o governador Flávio Dino inaugurou nesta sábado (1º), o primeiro Banco de Alimentos  de São Luís. e localizado na Central de Abastecimento do Maranhão (Ceasa). A solenidade foi muito prestigiada e comemorada.

A ideia do Banco de Alimentos é arrecadar produtos agrícolas em bom estado de consumo e doá-los para creches, asilos e entidades socioassistenciais que atendam aos critérios da Secretaria Adjunta de Segurança Alimentar.

“Nós estamos mostrando que mediante a parceria plena entre o Poder Público, o Governo do Estado, comerciantes, e  entidades assistenciais você consegue avançar na conquista de direitos. É um modelo institucional muito bem sucedido e que nós trouxemos hoje para o Banco de Alimentos. Tenho certeza que mediante esse fornecimento e a coleta que nós vamos fazer com caminhões refrigerados nós teremos alimentos disponíveis para quase 60 entidades, todos os dias, garantindo que milhares de pessoas possam ter acesso a uma alimentação digna”, destacou o governador.

O Banco cotará com parceiros cadastrados no Clube de Doadores como, entre eles, supermercados e atacadistas, distribuidoras de alimentos, armazéns, padarias, produtores rurais, além da própria Ceasa.

Os alimentos doados serão inspecionados na central, que também terá estrutura completa para realização das operações de coleta, armazenamento e entrega, sem custos para doadores e beneficiários.

Poderão ser doados legumes, verduras, frutas, grãos e cereais, massas frescas, carnes, aves, peixes, pães, bolos sem recheio e sem cobertura, além de leite e derivados. Até o momento, 58 associações estão cadastradas para utilizar o Banco de Alimentos.

Neto Evangelista e Duarte Jr. trocam farpas e disputam nas redes sociais autoria de projeto

 

neto_duarte-768x768
Deputado Neto Evangelista (DEM) e Duarte Júnior (PCdoB)/Foto:

O midiático Duarte Jr. (PCdoB), voltou se envolver em polêmica por causa de projetos que teriam como autores colegas de parlamento. Dessa vez a confusão é com Neto Evangelista (DEM). Os dois parlamentares são pretensos candidatos a prefeito de São Luís.

A nova polêmica envolvendo o deputado Duarte Júnior é a instalação de uma unidade da DPE (Defensoria Pública do Estado), na área Itaqui-Bacanga.

O ex-diretor do Procon, parece ainda não entender que não é mais executivo. Por essa razão, mantém uma postura que deve empurrá-lo para o isolamento político.

Os dois parlamentares são da base governo do estado, o deputado Neto Evangelista acusa Duarte Jr., de já ter agido da mesma forma com os deputados César Pires, Adelmo Soares e Zé Gentil, como o próprio.prefeito 2

Jeisael Marx é demitido por causa de pré-candidatura a prefeito de SL

 

jaeisael
Jeisael Marx/ Foto: Reprodução

O locutor-apresentador e jornalista Jeisael Marx, não faz mais parte dos quadros da TV Difusora. Ele foi demitido na tarde desta terça-feira (7), como informou o Blog Marrapá. Motivo? sua pré-candidatura à Prefeitura de São Luis em 2020.

O apresentador e pré-candidato perdeu um importante espaço na mídia local. A partir de agora, terá que trabalhar mais para não derrubarem seu projeto para disputar a prefeitura da capital.

É esperar a influência desse fato na pré-candidatura de Jeisael, porque em relação a consolidação da candidatura, ele ainda precisará avançar muito na construção do seu nome para disputa.

Jeisael Marx segue construindo candidatura em São Luís

 

jaizael
Jeisael Marx e Isaias Castelo Branco/Foto: Reprodução

Enquanto alguns debocham, duvidam e tentam fazer pouco caso das pretensões do jornalista Jeisael Marx em concorrer à sucessão do prefeito Edivaldo Holanda Júnior, em São Luís, ele vai se movimentando. Esta semana se reuniu com Isaias Castelo Branco (Presidente do Sindicato dos Rodoviários), para saber mais sobre o sistema de transporte coletivo da capital.

Com agenda ainda modesta, mas focada em áreas e apoios estratégicos, Jeisael vai construindo seu nome. O incomodo que já vem causando em outros políticos e também pretensos candidatos ao pleito, acabou motivando mais o jornalista.

Jeisael Marx não é um nome fora do contexto como defendem alguns céticos da sua candidatura. Com atuação na TV e Rádios da capital, ainda não exerceu mandato eletivo, mas conhece bem os problemas menos e mais graves de São Luís, e tem mantido conversas com especialistas sobre todos eles.

Aprovado transporte por aplicativo em São Luís sem definir quantidade

 

003.jpg

A Câmara Municipal de São Luís aprovou por unanimidade, nesta terça-feira (26), o Projeto de Lei nº 001/2017 que regulamenta os serviços de transporte individual de passageiros com uso de aplicativos de celular na capital maranhense – como Uber, Mary Drive e 99 POP.

O projeto cria obrigações aos serviços de transporte individual por aplicativo, como a identificação do passageiro por parte do motorista; o destino da corrida; apresentação de certificado de seguro contra acidentes pessoais a passageiros; e o uso de veículos com no máximo oito anos de fabricação. Também passarão a ser cobrados 5% de tributos sobre os valores pagos por viagem.

Um dos pontos polêmicos apresentados na discussão foi em relação a uma emenda que limitava a quantidade de veículos e motoristas cadastrados. A matéria, entretanto, foi vencida e retirada de pauta.

O presidente da Câmara, vereador Osmar Filho (PDT), classificou como histórica a sessão que aprovou a matéria.  “Foram quase 12 horas de discussão até chegarmos à decisão final, com todas as emendas que foram destacadas, votando uma a uma até votarmos a matéria inicial. Não restringimos qualquer tipo de direito ou penalizamos a população. Pelo contrário, preservamos tanto os passageiros, quanto os condutores e, principalmente, a população ludovicense”, afirmou.

O vereador Paulo Victor (PTC), autor da proposta, avaliou que o projeto aprovado foi um grande passo para a cidade, destacando a inovação para a mobilidade e também para os passageiros.

“Esse não é mais um projeto de minha autoria. Agora é um projeto da Câmara que votou em beneficio da população de São Luís. Graças a Deus chegamos a um consenso e retiramos toda e qualquer limitação deixando o projeto constitucional. O projeto foi um grande passo para a cidade, pois representa a inovação para a mobilidade e também para os passageiros”, disse.

O Projeto polêmico estava desde fevereiro de 2017, sendo aprovado, em 1º turno, no dia 18 de dezembro daquele ano. Com a aprovação dos parlamentares, agora a proposta segue para redação final para adicionar as emendas aprovadas e, após revisão, será encaminhada à sanção do prefeito Edivaldo Júnior (PDT).

Crise no Cordino faz deputados trocarem acusações na Assembleia

 

rigo e fernando
Rigo Teles (PV) e Fernando Pessoa (SD) protagonizaram debate sobre crise no Cordino Esporte Clube na Assembleia Legislativa do Maranhão/Foto: Reprodução

A sessão desta terça-feira (19), na Assembleia Legislativa do Maranhão, teve como destaque o time de futebol Cordino Esporte Clube, do município de Barra do Corda. Começou quando o deputado Rigo Teles (PV), foi à tribuna expor a situação de crise do Clube e botar na conta do atual prefeito de Barra do Corda, Eric Costa (PCdoB), a responsabilidade.

Aliado de Eric Costa e adversário político do deputado Rigo Teles, coube ao jovem parlamentar Fernando Pessoa(SD), sair em defessa do prefeito. Estreante no parlamento estadual mostrou atitude e prometeu apresentar documentos que provam que a responsabilidade pelas condições que se encontra o Cordino seria de gestões comandadas pelo grupo político de Rigo Teles, no município.

Salários atrasados, problemas no Estádio Leandrão e risco de rebaixamento são alguns dos problemas que justificariam a atual situação do Cordino. Abaixo alegações dos deputados sobre o imbróglio envolvendo a crise no Clube de Futebol, que enfrentará o Moto no próximo domingo (24), na cidade de Barra do Corda.

ÁUDIO COM O DEPUTADO RIGO TELES

 

ÁUDIO COM O DEPUTADO FERNANDO PESSOA

Márcio Honaiser e Raimundo Penha querem regularização fundiária em bairros de São Luís

 

penha e honaiser
Deputado Estadual Márcio Honaiser, Secretária Flávia Alexandrina e o vereador Raimundo Penha/Foto: Reprodução

O deputado estadual Márcio Honaiser e o vereador de São Luís Raimundo Penha, ambos pedetistas, estão juntos em favor da regularização fundiária de bairros da capital maranhense.

Nesta quarta-feira (13), estiveram reunidos com a Secretária de Cidades do Estado, Flávia Alexandrina, onde trataram do problema fundiário em vários bairros de São Luís, entre eles: Vila Gorete, Camboa, Liberdade, Fé em Deus, Alemanha e Vila Palmeira.

Durante a reunião também foi apresentado a questão da reforma do Mercado do Ipem São Cristóvão. Márcio Honaiser e Raimundo Penha deixaram o encontro animados com a possibilidade das demandas apresentadas serem contempladas ainda em 2019.

Penha e honaiser 1
Reunião na Secid para tratar da regularização fundiário de bairros de São Luís/Foto: Reprodução

O deputado Márcio Honaiser está em seu primeiro mandato, mas com possibilidade de assumir a Secretaria de Desenvolvimento Social do Estado, nos próximos dias. Quanto ao vereador Raimundo Penha, também no primeiro mandato faz um trabalho diferenciado, atuando de forma objetiva em várias frentes e pautando suas ações além das atribuições básicas na Câmara Municipal. Nos bastidores é considerado um quadro promissor da nova geração de políticos do Maranhão.