‘.. fiquei feliz com a nova posição do governo dos EUA..’, Dino sobre quebra de patentes

O governo dos EUA decidiu apoiar nesta quarta-feira, dia 5, a ideia de suspender patentes de vacinas e juntar aos países emergentes na OMC (Organização Mundial de Comércio).

A decisão do governo Biden está sendo considerada histórica. O Brasil que já foi a favor da medida, mas desde o ano passado passou ser contra, se alinhando ao então governo de Donald Trump.

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), lembrou nas redes sociais que mês passado numa reunião virtual dos governadores com a Secretária Geral Adjunta da ONU, defendeu a suspensão temporária das patentes de vacinas.

“..que sirva de freio aos que servem ao poder sacrificando o Direito..” Flávio Dino sobre Moro

O ex-juiz federal e governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), nesta quinta-feira, dia 22, classificou de ‘vitória da Constituição’ a decisão do STF sobre a parcialidade de Sérgio Moro.

Dino sempre foi um contestador contumaz sobre a competência e a forma como Moro e Deltan conduziram os processos contra o ex-presidente Lula, no âmbito da Lava Jato.

“O reconhecimento da flagrante suspeição do ex-juiz que “julgou” o presidente Lula é uma vitória da Constituição. Espero que sirva de freio aos que são tentados a servir ao poder sacrificando o Direito, numa espécie de vale-tudo. Sempre entram para a história de modo negativo”, destacou Flávio Dino.

“Haveremos de recuperar nosso protagonismo global”, lamenta Flávio Dino

O governador Flávio Dino (PCdoB), lamentou nesta quinta-feira, dia 22, a situação do Brasil aos olhos do mundo, após o discurso de Bolsonaro durante abertura da Cúpula do Clima hoje que está discutindo metas em defesa do meio ambiente.

De acordo com Flávio Dino, além da fala do presidente ficar no ‘final da fila foi ‘excessivamente genérica’.

“O presidente brasileiro ficou no fim da fila dos líderes a discursar. E o presidente dos Estados Unidos não ficou para ouvir. Ou seja, a esdrúxula diplomacia do Brasil como “pária mundial” foi bem-sucedida. Lamento muito. Haveremos de recuperar o nosso protagonismo global (..) Além de excessivamente genérico, o discurso de Bolsonaro tem um grave problema: é incoerente com a realidade. Faltam ações que deem amparo às palavras. Basta ver a situação absurda do Fundo Amazônia, paralisado desde 2019”, disse Dino twitter.

Por que o Nordeste registra a menor taxa de mortalidade pela covid-19

Do Uol

Quando a pandemia começou no país em 2020, o Nordeste lançou um comitê científico para ajudar os governos a tomarem medidas de prevenção contra a covid-19. Lançaram campanhas em massa alertando sobre a necessidade de distanciamento, uso de máscara e álcool em gel.

A região também foi a primeira a ter uma metrópole a realizar um lockdown —no caso, São Luís. O Nordeste registra hoje a menor taxa de mortalidade pela covid-19.

Em 2021, por exemplo, essa taxa está em 49 por 100 mil habitantes, 37% menor do que a média nacional no mesmo período, que chega a 78 por 100 mil habitantes. No Sul, líder no índice, o número chega a 109 por 100 mil.

A taxa de mortalidade do Nordeste na pandemia era de 134 por 100 mil na última quinta-feira (15). Os três estados com menores taxas de mortalidade na data eram do Nordeste: Maranhão (95 para cada 100 mil), Bahia (114) e Alagoas (117).

A média nacional na data ficava em 174 para cada 100 mil pessoas.

Dino pede quebra de patentes e produção da vacina em reunião com a ONU

Representando o Nordeste, o governador Flávio Dino, em reunião virtual nesta sexta-feira, dia 16, entre o Fórum de Governadores do Brasil e a Organização das Nações Unidas (ONU), defendeu a quebra temporária das patentes das vacinas contra a Covid-19 para acelerar a imunização da população mundial.

Dino destacou que existe uma super-demanda e uma capacidade limitada na produção de vacinas. Além disso, pontuou a necessidade ou não a necessidade realizar anualmente a imunização contra o coronavírus.

“Nós temos mecanismos internacionais em que há a quebra de patentes para que outros países possam produzir vacinas em maior quantidade, inclusive o Brasil. Percebi uma acolhida muito positiva por parte da ONU e quero crer que esse debate vai se colocar para uma deliberação internacional, uma vez que há muitos organismos, entidades, lideranças e personalidades em nível global defendendo essa saída”, destacou Flávio Dino.

Secretária geral adjunta da ONU, Amina Mohammed, comentou que é realmente necessário buscar a vacina, além de trabalhar para diminuir a transmissão da doença.

“..Vamos olhar para outros países e ver a necessidade de redobrar esse esforço para produção o mais rápido possível, para vacinarmos 75% da população que se qualifica para a vacina..”, disse Amina.

A reunião virtual foi moderada por Marlova Noleto, cordenadora residente da ONU no Brasil.

Participaram ainda do encontro os governadores Wellington Dias, do Piauí; Wilson Lima, do Amazonas; Ronaldo Caiado, de Goiás; José Renato Casagrande, do Espírito Santo; e Eduardo Leite, do Rio Grande do Sul.

Cidadania pede para o senador Jorge Kajuru deixar o partido

Do Congresso em Foco

O Cidadania em nota publicada no fim da tarde desta segunda-feira, dia 12, confirma o pedido de saída do senador Jorge Kajuru, da legenda.

O motivo foi a conversa do senador com o presidente Bolsonaro sobre a CPI da Covid-19 divulgada ontem nas redes sociais.

“.. flagrantemente se discute e se comete um crime de responsabilidade (..) Nesse sentido, o partido fará um convite formal, com todo o respeito pelo senador, para que ele procure outra legenda partidária”, diz parte da nota.

Kajuru deve se filiar no Podemos comandado pelo senador Alvaro Dias.

“Um desastre com método”, Carlos Lula sobre mais de 4 mil mortes

Da Veja (Radar)

Brasil registrou nesta terça-feira, dia 6, total de 4.195 mortes em 24 horas.

“Fizemos tudo errado até aqui e o resultado é este. O pior é que aparenta não termos chegado ainda no pior momento. A curva de óbitos ainda tem capacidade de crescimento. A politização da pandemia e a divisão do país nos trouxe até aqui. É hora de mudar. Com a máxima urgência. Conseguiremos? Já não sei. Infelizmente não sei dizer”, disse Carlos Lula, secretário de Saúde do Maranhão e presidente do CONASS.

XP-Ipespe mostra vitória de Lula contra Bolsonaro em 1º turno

A nova pesquisa XP-Ipespe divulgada na noite desta segunda-feira, dia 5, mostra Lula liderando a disputa presidencial para 2022, com 29%, o presidente Bolsonaro tem 27%.

Lula cresceu 4% em relação ao levantamento anterior, enquanto Bolsonaro manteve os mesmos 27%. Ciro Gomes e Sérgio Moro aparecem com 9% cada.

Na simulação de segundo turno, o petista com 42% também venceria Bolsonaro, que tem 38% dos votos.

A pesquisa ouviu 1.000 pessoas em todo o país entre os dias 29, 30 e 31 de março. A margem de erro é de 3,2 pontos percentuais.

Março é o mais letal da pandemia, só hoje foram 3.950 mortos em 24h

O Brasil fecha mês de março com 3.950 mortos em 24 horas por Covid-19. Foi o segundo dia mais letal consecutivamente do mês.

Ontem, foram registrados 3.668 brasileiros perderam a vida em decorrência da doença.

Desde o início da pandemia, o Brasil perdeu 321.886 vidas. De ontem para hoje, foram registrados 89.200 novos casos, elevando o total de infectados a 12.753.258. Mais informações aqui no UOL