Brandão destaca eficácia das ações contra atos antidemocráticos no MA

O governador do Maranhão, Carlos Brandão (PSB), acompanha e mantém a população maranhense informada sobre as ações em cumprimento a determinação do TSE no estado, contra atos antidemocráticos nas rodovias federais, realizados por apoiadores de Bolsonaro (PL), inconformados com a derrota para Lula (PT).

A atuação das Forças de Segurança do Estado ocorrem em sincronia com a Polícia Rodoviária Federal. A decisão de Moraes atende a um pedido da Confederação Nacional dos Transportes e do vice-procurador geral eleitoral.

No Maranhão as ações integradas entre a Polícia Civil e os especializados em Controle de Distúrbios Civis da Polícia Militar, já foram desfeitos os bloqueios em cidades como São Domigos do Maranhão, Grajaú, Balsas, Imperatriz, Bacabal e Bom Jesus das Selvas. Agora, tratam de embaraços em Caxias, Timon e Açailândia. Informa ainda que a força-tarefa vai continuar atuando até que consiga normalizar o trânsito nas estradas. 

Federação e Sindicatos da PRF culpam Bolsonaro pela crise nas BRs

A Federação Nacional dos Agentes e Sindicatos da Polícia Rodoviária Federal em todo país, divulgaram nesta terça-feira, dia 1º, nota pública conjunta onde culpam o presidente Jair Bolsonaro (PL), pela dificuldade e desgaste da PRF, nas ações para desbloquear as BRs brasileiras.

“A postura do atual presidente da República, Jair Bolsonaro, em manter o silêncio e não reconhecer o resultado das urnas acaba dificultando a pacificação do país, estimulando uma parte de seus seguidores a adotarem ações de bloqueios nas estradas brasileiras.”, diz trecho na nota da FENAPRF.

NOTA PÙBLICA

A Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FenaPRF) e os Sindicatos dos Policiais Rodoviários Federais de todo o Brasil reafirmam o compromisso com o Estado Democrático de Direito. O resultado das eleições de 2022 expressa a vontade da maioria da população e deve ser respeitado.

A postura do atual presidente da República, Jair Bolsonaro, em manter o silêncio e não reconhecer o resultado das urnas acaba dificultando a pacificação do país, estimulando uma parte de seus seguidores a adotarem ações de bloqueios nas estradas brasileiras.

Apesar disso, os PRFs seguem trabalhando diuturnamente para o restabelecimento do direito de ir e vir da população. Importa frisar que compete exclusivamente à gestão do Departamento de Polícia Rodoviária Federal providenciar e disponibilizar os meios e a organização do efetivo necessários para dar cumprimento à desobstrução das rodovias federais.

Nesse sentido, o sistema sindical dos PRFs segue cobrando uma postura firme da direção do DPRF, para prover os meios necessários para que a corporação cumpra suas funções constitucionais, garantindo assim o direito de ir e vir da população e resguardando a segurança e integridade dos policiais.

A Polícia Rodoviária Federal é um patrimônio da sociedade e seguirá firme na defesa da democracia, do respeito às leis e às decisões judiciais.

Brasília, 1º de novembro de 2022.

“Sem pressão da mídia, que sempre tem lado: o da bandidagem”, diz Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro (PL), falou nesta segunda-feira, dia 30, sobre o caso de Genivaldo de Jesus Santos, que morreu durante ação da PRF, no litoral de Sergipe.

“.. Sem exageros e sem pressão por parte da mídia, que sempre tem um lado: o lado da bandidagem. Como lamentavelmente grande parte de vocês [jornalistas] se comportam, sempre tomam as dores do outro lado. Lamentamos o ocorrido e vamos com seriedade fazer o devido processo legal..”, disse hoje Bolsonaro, sobre o episódio com a PRF.

O vídeo da ação viralizou nas redes sociais. A PRF se posicionou sobre ocorrido e lamentou a morte de Genivaldo de Jesus.

Motorista é detido após colidir veículo no Posto da PRF em São Luís

 

C-1
Foto: Reprodução

Um veiculo desgovernador surpreendeu Policias Rodoviários Federais no Maranhão, na madrugada desta quinta-feira (13), quando se encontravam de serviço no Posto da PF localizado no Km 14, da BR 135, município de São Luís.

Por volta das 02h45, um veículo Fiat/Uno Mille Way, de cor prata, atropelou as barreiras e os cones na área da Unidade Operacional de Pedrinhas e colidiu contra a torre de rádio. Em seguida o condutor saiu do carro dizendo que foi baleado por três elementos que se encontrava dentro de veículo. Porém, os policias ao fazerem uma vistoria não encontraram ninguém.

Os policias perceberam que o condutor tinha fortes sinais de estar sob efeito de entorpecente. Ao ser indagado, ele confirmou que teria usado cocaína.

Diante dos primeiros levantamentos da ocorrência a PRF fez as seguintes constatações de delitos: conduzir veículo automotor sob efeito de droga, e sem Habilitação gerando perigo de dano. O veículo foi apreendido e o motorista detido e conduzido ao plantão da Polícia Civil da Cidade Operária.

C-2
Foto: Reprodução da PRF-MA

C-3
Foto: Reprodução da PRF-MA