Covid-19: Bolsonaro quer cancelar monitoramento em aeroportos do Maranhão

 

ETjzQUsWsAENFPK

O governador, Flávio Dino, lamentou neste domingo (22), a informação de que o governo federal recorreu à Justiça para impedir que profissionais da área de saúde no Maranhão, que estão fazendo a triagem e orientando das pessoas que chegam no estado nos aeroportos em São Luís e Imperatriz, continuem realizando o trabalho que foi autorizado pela Justiça Federal, a pedido do governo do estado.

“Soube agora que Governo Federal recorreu à Justiça para IMPEDIR que o governo do Estado faça controle e orientação sanitária no aeroporto. Realmente inacreditável. Não fazem e querem impedir que nós façamos (…) O Governo do Estado vai seguir lutando em favor da sociedade. Lamentamos muito a atitude de algumas pessoas do Governo Federal de impedir que possamos orientar e monitorar passageiros que chegam em aviões”, destacou Flávio Dino.

A iniciativa foi muito elogiada pela população e as pessoas que chegam a São Luís e Imperatriz e são examinadas. Mas, o governo Bolsonaro entendeu a medida invasão à atribuição da união. Porém, Flávio Dino, argumenta que a atitude se deu em razão da inercia do governo federal em adotar providencias para enfrentar a crise causada pelo novo coronavírus, que está avançando no país.

PCdoB confirma candidatura de Rubens Jr. a prefeito de São Luís quinta-feira

 

Rubens Jr

Diretórios Estadual e Municipal de São Luís do PCdoB confirmarão na próxima quinta-feira (13) a candidatura do deputado federal licenciado e Secretário de Estado das Cidades, Rubens Júnior, a prefeito de São Luís.

“Me sinto muito honrado por saber que meu partido, onde caminho há muito tempo, reconhece que tenho os atributos necessários para fazer uma boa campanha e uma excelente gestão”, destacou Rubens Júnior.

A escolha que já era de conhecimento extraoficial foi confirmada e anunciada nesta terça-feira (11), por Márcio Jerry e Júlio Pinheiro, presidentes Estadual  e Municipal de São Luís do PCdoB, respectivamente.

“Companheiro @rubenspereirajrn Rubens Júnior confirmado pelas direções do @PCdoBMaranhao  @PcdobSao pré-candidato a prefeito. Construir alianças para chegar à vitória ! Viva São Luís !!!”, anunciou no twitter Márcio Jerry.

Rubens já estava sendo especulado como a indicação do partido para a disputa eleitoral deste ano. Ele sempre esteve entre nomes preferidos do governador Flávio Dino (PCdoB) dentre os nomes da base governista e que estão com a pré-candidatura na rua.

Em 2014, Rubens foi eleito deputado federal e ao longo dos quatro anos de mandato, teve uma atuação expressiva, ocupando espaços importantes da Câmara Federal, o que resultou em sua reeleição em 2018.

Em 2019, Rubens aceitou o convite de Flávio Dino e se licenciou da Câmara para ser secretario das Cidades e Desenvolvimento Urbano, o que tem lhe trazido boa experiência no poder executivo.

Comissão de Mulheres da OAB repudia femicídios no Maranhão

 

policial_esposa_sao_luis_2_-_arquivo_pessoal
Policial Carlos Eduardo Nunes e Bruna Lícia/Foto: Rerodução

A Ordem dos Advogados do Brasil no Maranhão, através da Comissão de Mulheres, se posicionou nesta segunda-feira (27), através de nota sobre o número de vítimas de feminicídio no Estado. Em 2019 foram registrados 48 casos, em 2018 foram 43.

Neste ano o caso de maior repercussão até o momento aconteceu no último sábado (25), em São Luís, e teve como vítima Bruna Lícia, morta a tiros junto com o suposto amante identificado como Wilian Santos, no bairro Vicente Fialho, o autor foi o policial militar, Carlos Eduardo Nunes, que se entregou logo após o crime.

Em depoimento o policial militar Carlos Eduardo Nunes deu sua versão sobre o ocorrido. Indiciado por femicídio ele disse que antes de praticar o duplo homicídio travou uma luta com as vítimas e pensou em se matar no interior do quarto, onde flagrou Bruna e Wilian na cama. Apesar de ainda estarem vivendo no apartamento, o policial informou que estava se separando de Bruna Lícia. Ele também confirmou a presença de uma terceira pessoa, que segundo ele, estava na sala quando chegou ao apartamento. Veja mais aqui no JP.

NOTA DE REPÚDIO DA OAB-MA

A Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Maranhão, por meio da Comissão da Mulher e da Advogada – CMA/MA, vem a público repudiar mais um crime de feminicídio e homicídio ocorrido no Estado.

Nesse sábado (25), mais uma mulher foi assassinada por seu companheiro, passando a integrar as estatísticas do crime de feminicídio do Estado. Em 2019, foram registrados 48 casos. Um aumento se comparado ao ano anterior, 2018, com 43 feminicídios. Em que pese viver-se no Século XXI, mais uma mulher é vítima da violência extremada que assola a nossa sociedade.

O feminicídio é a triste consequência do machismo alicerçado na naturalização de comportamentos, que fazem pessoas acreditarem que diferenças sexuais respaldam superioridade de um gênero sobre o outro. A vida humana é feita de dissabores e escolhas. Violência não é solução, tampouco justificativa para as frustrações vividas.

Diante tamanha atrocidade, não seremos complacentes com tamanho desrespeito à dignidade da pessoa humana e banalização da vida. Logo, REPUDIAMOS, de forma veemente, o ato brutal cometido pelo policial militar que tem direito à defesa e a um julgamento justo, assim como REPUDIAMOS todos os posicionamentos de culpabilização da vítima e que incentivam o julgamento e opressão do gênero.

Expressamos nossa solidariedade às famílias das vítimas, na certeza de que a justiça será feita, assim como da continuidade do combate às violências que depreciam o viver em sociedade.

Comissão da Mulher e da Advogada da OAB/MA

Bira do Pindaré discute aliança com PSOL para eleição em São Luís

 

IMG-20200107-WA0075

O deputado federal Bira do Pindaré (PSB), pré-candidato a Prefeito de São Luís se reuniu na capital nesta terça-feira (7), com representantes do PSOL para discutirem aliança para disputa eleitoral na capital.

A provável aliança entre PSB e PSOL em São Luís está respaldada na união eleitoral das duas siglas nacionalmente. Se firmada a aliança propiciará o processo de campanha para as eleições na majoritária e proporcional.

“Foi um diálogo muito importante e frutífero, uma vez que já temos um bom alinhamento nacional no campo da oposição. Um sinal positivo para união da esquerda no Maranhão” destacou Bira sobre o encontro.

Para o presidente do PSOL em São Luís, Franklin Douglas, é importante a formação de um campo de esquerda para as eleições na capital que reúnam PSB, PCB, PT e PSOL em 2020 e 2022.

“Dar um passo já em 2020, em São Luís, é muito simbólico. Vamos levar a proposta de coligar com o PSB inclusive com espaço na chapa majoritária”, disse Franklin Douglas.

Eleições 2020: DataM divulga Pesquisa sobre Cenário para São Luís

 

prefeitura
Prefeitura de São Luís/Foto: Reprodução

Instituto Data-M divulgou nesta segunda-feira (30), mais uma pesquisa relacionada às Eleições 2020, para a Prefeitura de São Luís. Entre os pré-candidatos até o momento o deputado federal Eduardo Braid continua liderando, seguido da a ex-governadora Roseana Sarney.

Na estimulada, o Braide aparece com 41,6%; Roseana Sarney tem 9,9%; na terceira posição está Duarte Júnior com 9,7%.

Os demais pré-candidatos estão na seguinte ordem Wellington do Curso com 4,8%; Bira do Pindaré com 4,4%; Neto Evangelista com 3,8%; Jeisael Marx com 2,9%; Osmar Filho 2,5%; Dr. Yglésio com 1,3%; Carlos Madeira 0,8%; Luís Fernando Silva 0,8% e Rubens Pereira Júnior com 0,6%.

O instituto Data M ouviu 800 eleitores de São Luís, nos dias 28 e 29 de dezembro. A margem de erro da pesquisa é de 3,1% para mais ou para menos.

DATA M

Roberto Rocha volta usar velha tática para se manter vivo na política

 

roberto-rocha-1-940x540
Senador Roberto Rocha (PSDB-MA)/Foto: Reprodução

O senador, Roberto Rocha já começou se movimentar para sobreviver na política. Ele está adotando várias frentes para garantir um mandato em 2022. Com votação pífia ao governo em 2018, Roberto Rocha sabe que dificilmente conseguirá ser competitivo em 2022.

Sua reeleição ao Senado é quase impossível, já que, em 2014, ele só foi eleito graças ao governador Flávio Dino.Nos bastidores dizem que ele já pensa em voltar para a Câmara Federal. Para isso, está apostando em obras megalomaníacas, Uma de suas obsessões é uma ponte ligando São Luís a Alcântara.

A ideia, que não é novidade, e foi copiada de Ricardo Murad, custaria bilhões de dólares. Para se ter uma ideia, uma estrutura menor, de 12km – a do Maranhão tem 14 km -, foi anunciada na Bahia por nada menos do que R$ 5,3 bilhões.

Outra ideia megalomaníaca que está sendo espalhada por Roberto Rocha é um terminal turístico de cruzeiros em Tutóia. Com uma maquete bonita, mas sem especificar nada em relação a valor e viabilidade, RR vende mais uma ilusão.

Sem conseguir construir um panelódromo em Imperatriz, Roberto Rocha se desespera e apela para projetos praticamente impossíveis de serem executados, sobretudo no momento de crise. (Informações do Blog Marrapá)

PCdoB no Maranhão realizará Conferencia Estadual visando eleições 2020 e 2022

 

pcdob
Foto: Reprodução

O PCdoB do Maranhão está convocando seus filiados para sua grande Conferencia Estadual que acontecerá nos próximos dias 22 e 23 de novembro, em São Luís, e que estabelecerá as metas do partido para as eleições de 2020 e 2022.

jerry
Deputado federal Márcio Jerry, presidente Estadual do Maranhão/Foto: Reprodução

Para o deputado federal Márcio Jerry, presidente Estadual do PCdB, o partido demonstrará no encontro o resultado da grande mobilização ocorrida no Maranhão antes do encontro.

“Contagem regressiva para a Conferência Estadual do PCdoB do Maranhão dias 22 e 23 de novembro. Evento que vai aprovar as diretrizes do partido para os próximos dois anos e renovar a direção partidária. Após processo de mobilização intenso, forte, belo, vivo em todo o Maranhão”, destacou Márcio Jerry.

Em encontro do PCdoB realizado no último sábado (9), durante Conferencia Municipal na capital, o partido ratificou o objetivo de lançar candidato a prefeito em São Luís e reforçar a representatividade no parlamento. Para Márcio Jerry o objetivo é vencer as eleições.

“O PCdoB disputará pra valer e para vencer a eleição a prefeito de nossa São Luís, para continuar as parcerias de resultados tão importantes”, disse Jerry.

O PCdoB no Maranhão conta atualmente nos quadros com 46 prefeitos, 2 deputados federais, 6 estaduais e o governador do estado. O objetivo da sigla e se manter como um dos principais partidos no Maranhão e com candidatos nas principais cidades São Luís e Imperatriz.

Câmara iniciará sexta-feira (1º) Audiências Públicas sobre Plano Diretor de São Luís

 

OSMAR FILHO
Vereador Osmar Filho (PDT), Presidente da Câmara Municipal de São Luís/Foto: Reprodução

O presidente da Câmara Municipal de São Luís, Osmar Filho (PDT), informou nesta terça-feira (29) a realização das audiências públicas para debater com a população da capital o Plano Diretor.

O Plano após ser enviado pela Prefeitura passou pelas comissões técnicas do Poder Legislativo Municipal. A etapa final será a votação dos vereadores. As audiências começarão na próxima sexta-feira (1º),

Serão oito audiências públicas, quatro na zona rural e quatro na zona urbana. A primeira acontecerá no IFMA, no bairro do Monte Castelo.

VEJA AQUI DATAS E LOCAIS DAS AUDIÊNCIAS

São Luís é a capital brasileira que mais reduz homicídios

 

pm são luis

O Fórum Brasileiro de Segurança Pública divulgou na última terça-feira (10), que São Luís é a capital brasileira que mais reduziu homicídios. O levantamento foi realizado com base no Anuário Brasileiro da Segurança Pública que acompanha os números da violências no país inteiro.

Entre 2017 e 2018, a capital maranhense reduziu em 36,6% a taxa de homicídios. Nenhuma outra capital em todo o Brasil conseguiu melhor resultado neste período.

A queda ludovicense é bem maior que a média de redução de todas as capitais, de 15,7%.

As capitais que mais chegam perto da redução verificada em São Luís são Florianópolis (30%), Rio Branco (29,6%), Fortaleza (25,4%), Belo Horizonte (23,9%) e Recife (23,1%).

Atlas da Violência

Há pouco mais de um mês, o Atlas da Violência 2019, do Ipea, havia mostrado que São Luís foi a capital brasileira que mais reduziu homicídios entre 2014 e 2017.

Em 2014, a taxa de homicídios era de 82,9 a cada 100 mil habitantes. A partir de 2015, com a nova política de Segurança Pública no Maranhão, a taxa começou a cair ano a ano.

Em 2017, caiu para 46,9 homicídios a cada 100 mil habitantes. Isso significa uma redução de 43,42% em apenas três anos.

Ou seja, os dois estudos mostram que São Luís foi a capital que mais reduziu os homicídios entre 2014 e 2018.

BOICOTE: empréstimo da Prefeitura de São Luís junto a Caixa Econômica está na ‘geladeira’

 

geladeira
Presidente Jair Bolsonaro e o presidente da Caixa Pedro Guimarães/Foto: Reprodução

O jornal O Estado de S.Paulo nesta sexta-feira (2), está informando que os governos do Nordeste estão sofrendo boicote do governo Federal desde a posse do presidente Jair Bolsonaro (PSL). Um exemplo seria a determinação do presidente da Caixa, Pedro Guimarães, de não aprovar pedidos de empréstimos a Estados e municípios da região.

A informação teria sido obtida com funcionários do banco e da equipe econômica do governo. Em nota a Caixa negou o boicote.

No mês passado, Bolsonaro foi flagrado atacando os governadores do Nordeste, durante café da manhã com jornalistas.

Na lista de pedidos de empréstimos da Região Nordeste junto à Caixa Econômica que estão na ‘geladeira’ está o pedido da prefeitura de São Luís um financiamento de R$ 133 milhões para obras de infraestrutura.

O prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Junior (PDT), solicitou o recurso dia 9 de maio. Os documentos venceram em 30 de junho e a Caixa não teria dado nenhuma satisfação. De acordo com a reportagem, a orientação para a área técnica, era não aprová-lo mesmo estando tudo certo.

Mas, como a medida é contra o Nordeste, os estados da Paraíba e Piauí também são citados na matéria como vítimas do ‘boicote’ contra a região.

A Paraíba há quase dois meses aguarda resposta para um pedido de R$ 188 milhões. O Piauí precisou recorrer à justiça para conseguir um desembolso de R$ 293 milhões.

(Com informações Brasil de Fato)