Presidente do TRE-MA Cleones Cunha reage aos ataques a Justiça Eleitoral

 

cleones
Desembargador Cleones Cunha (Presidente do TRE-MA)/Foto: Reprodução

O presidente do Tribunal Regional Eleitora, desembargador Cleones Cunha, repudiou e fez um desabafo nesta quarta-feira (20), contra os ataques que vem sendo realizados contra a Justiça Eleitoral nas redes sociais.

“Só quem não conhece a Justiça Eleitoral brasileira pode falar isso; ou quem tem outros interesses por trás disso. A justiça eleitoral, que foi criada em 1932. No Brasil, está atingindo um patamar de fazer inveja aos países mais civilizados do primeiro mundo. Ninguém ou nenhum país faz uma eleição como fizemos em 2018 e se tem o resultado antes do final do dia da eleição”, disse Cleones Cunha durante sessão no TRE-MA, e no TJMA.

Os ataques se intensificaram após o STF decidir que julgamentos de Caixa 2, devem ser julgadas no âmbito da Justiça Eleitoral. Os contrários à justiça especializada alegam que em outros países não existe , totalmente desnecessária e que atenderia apenas aos interesses da corrupção política.

“Só quem não conhece a Justiça Eleitoral brasileira pode falar isso; ou quem tem outros interesses por trás disso. A justiça eleitoral, que foi criada em 1932. No Brasil, está atingindo um patamar de fazer inveja aos países mais civilizados do primeiro mundo. Ninguém ou nenhum país faz uma eleição como fizemos em 2018 e se tem o resultado antes do final do dia da eleição”, destacou o desembargador.

Duarte Jr. e Wellington do Curso e a batalha pelas likes nas redes sociais

 

deputados duarte e wellington
Duarte Jr (PcdoB) e Wellington do Curso (PSDB)/Foto: Reprodução

Os midiático deputados maranhenses Wellington do Curso e Duarte Jr, mostraram nesta terça-feira (5), na Assembleia Legislativa como atuarão e brigarão pelas curtidas nas redes sociais.

Iniciando o segundo mandato, Wellington do Curso chegou hoje para trabalhar de bicicleta imediatamente espalhou as imagens nas redes sociais. Sua principal e única estratégia política continua sendo contestar Flávio Dino e seu governo em qualquer circunstância. Para alguns de seus pares e setores da Imprensa um esforço desesperado de ‘mais do mesmo’.

Hoje após mais uma rajada de ataques genéricos ao executivo estadual ‘lacrou’ da tribuna “não sou dinista nem sarneysista. Sou independente!”, como se isso na prática fosse possível em política.

Quanto a Duarte Jr., está no primeiro mandato após passagem pelo Procon-MA, órgão de defesa do consumidor onde ganhou visibilidade e votos. Se considera autentico representante da ‘nova política’. Assim como Wellingto, o jovem Duarte exerce ativismo forte nas redes sociais. Hoje no primeiro dia de trabalhou protagonizou um bate-boca com o sarneysista César Pires (PV), consciente da repercussão que teria.

Tudo começou após Cesar Pires da tribuna, quando fazia um pronunciamento no grande expediente, tecer críticas ao Procon. Em aparte Duarte Jr. defendeu o órgão e citou uma tentativa de Cesar Pires de impedir o Procon de realizar seu trabalho num estabelecimento de propriedade de uma pessoa ligada a Pires. Foi o suficiente para os ânimos acirrarem e ter inicio a troca de acusações e insinuações de abuso de poder, desqualificação pessoal até citações de suspeitas de extorsão.

O novato deputado Duarte Jr. não se fez de rogado ao alertar aos presentes que com ele ataques baseados apenas em retórica, não ficarão sem respostas. Segundo ele, pode ser quem for: velho, novo, intelectual ou não.