“..temos um ministro da Saúde que não manda nada..”, Eliziane sobre Queiroga

A senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA), disse nessa terça-feira, dia 8, que o novo depoimento do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, na CPI da Covid-19, mostro que ele é ministro mas não manda.

“O depoimento de Marcelo Queiroga mostra que temos um ministro da Saúde que não manda nada. O ministro não teve autonomia para contratar Luana Araújo e também não tem para demitir a Mayra, omite-se sobre as aglomerações do Presidente. Pisa em ovos para não contrariar o chefe. Falta coragem!”, destacou Eliziane nas redes sociais.

Médico Marcelo Queiroga aceita ser Ministério da Saúde de Bolsonaro

Da CNN

O presidente Jair Bolsonaro convidou o presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC), Marcelo Queiroga, para ocupar o Ministério da Saúde, que aceitou substituir o general Pazuello.

Maranhão receberá 386.546 mil novas doses de vacinas na próxima semana

Na próxima semana o Maranhão receberá 386.546 novas doces de vacinas contra a Covid-19, a anuncio foi realizado no inicio da noite desta quinta-feira, dia 18, pelo Secretário de Esatado da Saúde, Carlos Lula.

Cerca de 289 mil pessoas serão beneficiadas essa nova etapa de vacinação, os alvos nessa fase serão idosos de 80 a 89 anos, povos e comunidades ribeirinhas e quilombolas e profissionais de saúde.

Na tarde de ontem quarta-feira, dia 17, o ministro Eduardo Pazuello informou durante reunião com governadores, o envio de novas doses do Butantan para todo país a partir da próxima semana, hoje foi confirmado.

O ministro também disse que até 31 de julho serão distribuídos 230 milhões de doses de vacinas para os estados, fornecidas pelos institutos Butantan (Sinovac), Fiocruz (AstraZeneca), União Química (Sputnik) e Precisa (Bharat Biotech) serão os fornecedores. 

Carlos Lula participa da posse do General Pazuello no ministério da Saúde

O general Eduardo Pazuello assume oficialmente, nesta quarta-feira (16), o comando do Ministério da Saúde às 17h, no salão nobre do Palácio do Planalto.

O Secretário de Saúde do Maranhão, Carlos Lula, também presidente do CONAS (Conselho Nacional de Secretários de Saúde), participará da solenidade.

Ele está ocupando interinamente o cargo desde 16 de maio, quando assumiu em substituição a Nelson Teich, que passou menos de um mês na pasta.

Eduardo Pazuello, que não é da área da Saúde, será oficialmente o 3º Ministro da Saúde do governo Bolsonaro.