MA chegará a mais de 5 milhões de doses de vacinas recebidas

O Maranhão recebe, nesta semana, mais 435.445 doses de vacinas contra a Covid-19 para reforçar a vacinação contra a doença em todo o estado.

“Temos investido esforços para auxiliar os municípios a acelerarem a vacinação, por isso municípios já apresentam perto de 100% da população adulta vacinada com a primeira dose. Com a quantidade que deve chegar nesta semana, poderemos ampliar o alcance da campanha e contribuir para que outras cidades alcancem esse índice”, destaca o secretário, Carlos Lula. 

Com os novos lotes dos imunizantes CoronaVac, Pfizer e AstraZeneca, o Maranhão chegará ao quantitativo de 5.116.845 doses de vacinas já recebidas. 

Os imunizantes devem chegar em solo maranhense nesta terça (27) e quarta-feira (28). 

Das 4.115.100 doses já distribuídas no estado, os municípios maranhenses já aplicaram 3.707.935.

Nesta terça-feira (27) o estado receberá 117.080 doses de CoronaVac 29.100 e doses da AstraZeneca. Já na quarta-feira (28), serão 222.125 doses de AstraZeneca e 67.140 da Pfizer.

As vacinas chegam para continuidade da imunização por idade, de acordo com o andamento da vacinação nos municípios.     

Com as novas remessas, do total de 5.116.845 doses de vacinas, serão 1.502.620 doses da CoronaVac, 2.965.475 da AstraZeneca, 538.650 da Pfizer e 110.100 da Janssen.

Covid-19: MP constata falta de gerador na Rede de Frios em São Luís

Do MP-MA

A Promotora de Justiça, Maria da Gloria Mafra (Defesa da Saúde de São Luís), inspecionou nesta quinta-feira, dia 22, a rede de frios do Município de São Luís, localizado na Fonte do Bispo, onde foi constado a falta de gerador no local.

A rede de frios guarda e conserva todas as vacinas disponibilizadas pela Prefeitura da capital maranhense.

“A gente compreende que a mudança é recente, porque o local anterior não era adequado. Mas o novo precisa urgentemente de adequação, porque as vacinas contra a Covid-19, bem como todos os demais imunobiológicos, estão armazenados nesse prédio. Portanto, o prédio necessita de gerador para garantir a conservação das vacinas em caso de falha na rede elétrica”, disse a promotora.

Após a constatação da falta do instrumento indispensável para acondicionar os imunizantes, a promotora Maria da Glória Mafra, solicitou a imediata instalação do gerador ao secretário municipal de Saúde, Joel Nunes.

Também serão requeridas inspeção do Corpo de Bombeiros e da Vigilância Sanitária para verificar as condições da rede de prevenção de incêndio e pânico e da rede elétrica do local.

Covid-19: Maranhão apresenta redução internações de UTI

O Maranhão apresentou queda no número de internações por Covid-19. Os leitos de UTI, que chegaram a ultrapassar os 90% de ocupação, estão em 69%; e os leitos clínicos, da média de 75%, caíram para 54% de taxa de ocupação.

Prossegue os postos de vacinação para a segunda dose para profissionais da salvamento, forças armadas, educação e segurança, de órgãos estaduais e federais.

Novas medidas anunciadas – 09/07/2021

MEDIDAS VIGENTES DE 13 A 19 DE JULHO

TODO O ESTADO

  • Eventos com até 150 pessoas
  • Realização dos eventos: até 0h
  • Administração pública estadual: 80% da capacidade
  • Igrejas: 70% de capacidade

ILHA DE SÃO LUÍS

  • Grupo de risco vacinado poderá retornar ao trabalho após 30 dias (exceto gestantes). Setores público e privado
  • Comércio e indústria entre 9h e 21h
  • Bar e restaurante: até 0h
  • Shopping: 10h às 22h
  • Academia e supermercados: das 6h à 0h
  • Supermercados, academias, salões, bares e restaurantes: 70% de capacidade

ARRAIAIS DA VACINAÇÃO

Sábado (10): São João Batista

SEGUNDA DOSE PARA EDUCAÇÃO E SEGURANÇA

  • Profissionais de segurança, salvamento e forças armadas e Educação

SÃO LUÍS

  • CINTRA/IEMA
  • DRIVE THRU São Luís Shopping

IMPERATRIZ

  • DRIVE THRU Imperial Shopping

DEMAIS MUNICÍPIOS:

A imunização acontece no mesmo local da 1ª dose conforme data do Cartão de Vacinação

EXPANSÃO DA REDE
Chapadinha
• Entrega de ampliação da hemodiálise: de 42 para 90 pacientes
Barra do Corda
• Hospital Municipal será transformado em Hospital Regional

DOSE PREMIADA

Para consultar a lista de sorteados:

  • dosepremiada.ma.gov.br
    Para os sorteados entrarem em contato e enviarem os seus dados:
  • (98) 2016-4344
  • (98) 2016-4345
  • dosepremiada@segov.ma.gov.br

Dino agradece Bolsonarista por divulgar na CPI vacinação no MA

O governador Flávio Dino (PSB), foi irônico ao agradecer o senador bolsonarista Carlos Heinze (Progressista-RS), nesta quinta-feira, dia 8, que hoje na CPI tentou atacar governadores através do governador do Maranhão.

O senador Heinze usou o áudio de uma musica, segundo ele, repassada pelo senador Roberto Rocha (PSDB-MA), que incentiva a vacinação e cita Flávio Dino, o que caracterizaria propaganda com a vacinação.

“Agradeço ao senador pela divulgação da música que, obviamente, não é do Governo do MA (..)Tenho certeza de que autores e intérpretes da música ficaram felizes (..) sou muito ocupado com coisas sérias, entre as quais cuidar da vacinação”,disse Dino no twitter.

A senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA), rebateu Heinze, e disse porque ele está incomodado com Flávio Dino.

Defesa e Forças Armadas reagem em tom de ameaça a Omar Aziz e a CPI

Da Forum

Ministério da Defesa e comandantes do (Exército, Marinha e Aeronáutica) reagiram em nota às declarações do presidente da CPI da Covid-19, Omar Aziz (PSD-AM), na noite desta quarta-feira (7), que associam alguns militares a denúncias de corrupção no Ministério da Saúde.

“Olha, eu vou dizer uma coisa: as Forças Armadas, os bons das Forças Armadas devem estar muito envergonhados com algumas pessoas que hoje estão na mídia, porque fazia muito tempo, fazia muitos anos que o Brasil não via membros do lado podre das Forças Armadas envolvidos com falcatrua dentro do governo. Fazia muitos anos”, disparou Aziz na CPI.

A fala de Omar Aziz incomodou e a reação foi imediata do ministro da Defesa, general Walter Braga Netto, e na cúpula militar, em tom de ameaça ao presidente da CPI e a comissão

.

AL-MA aprova por unanimidade ‘Auxílio Cuidar’ para órfãos por causa da Covid-19

O deputado Othelino Neto, presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, destacou a aprovação do Projeto ‘Auxílio Cuidar’, de autoria do Poder Executivo, que beneficia crianças e adolescentes órfãos de pai e mãe biológicos ou por adoção, sendo que um dos dois tenha falecido em razão da Covid-19.

“Diante desse triste cenário, o projeto vem, de forma muito marcante, contribuir para amenizar os impactos financeiros dessas crianças que perderam seus pais por conta do coronavírus, servindo como um instrumento de amparo e oferecendo a elas uma condição a mais de ter o seu sustento provido”, destacou Othelino Neto.

A matéria foi aprovada por unanimidade pela Casa e seguiu à sanção do governador Flávio Dino.

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), estima-se que cerca de 45 mil crianças e adolescentes perderam pai e mãe na pandemia.

O auxílio no valor de R$ 500,00, será pago mensalmente até o alcance da maioridade civil. O objetivo é contribuir para a garantia do direito à vida e à saúde, bem como ao acesso à alimentação, educação e lazer.

As crianças e adolescentes devem possuir moradia fixa no Maranhão há pelo menos um ano antes da orfandade completa e cuja família possuísse renda não superior a três salários mínimos.

O projeto garante que serão contempladas tanto as crianças e adolescentes em situação de orfandade que estejam sob os cuidados de família substituta, quanto as que estejam em acolhimento institucional.

O pagamento será feito pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Social.

AL-MA aprova premiação para quem tomar 2ª dose da vacina contra Covid

A Assembleia Legislativa do Maranhão aprovou, nesta quarta-feira (30), a Medida Provisória que autoriza o Poder Executivo realizar sorteios para quem tomar a segunda dose da vacina contra a Covid-19.

O Governo do Estado poderá sortear até R$ 2.700.000,00 em prêmios em dinheiro, sendo 700 premiações no valor de R$ 1.000,00, 200 no valor de R$ 5.000,00 e 100 no valor de R$ 10.000,00.

O objetivo é estimular as pessoas a tomarem a segunda dose da vacina. Poderá ser realizado através de Decreto, fazer adaptação na premiação, devendo ser observado o limite máximo de recursos financeiros fixado pelo governo.

Poderão ser beneficiados todos que tomarem as duas doses da vacina contra a Covid-19, no Maranhão, conforme registro na Plataforma Conecte SUS.

A “Dose Premiada”, ocorrerá mediante crédito em conta bancária de titularidade do contemplado.

Denuncias de corrupção coloca governo Bolsonaro no ‘olho do furacão’

Da Folha de SP

Caiu como uma bomba a denuncia publicada na Folha de SP, que o governo Bolsonaro, através do Ministério da Saúde, negociou a compra de vacinas contra a Covid-19 em troca de propina.

Um representante da empresa Davati Medical Supply disse que recebeu a proposta de pagamento de US$ 1 (dolar) por dose para assinar o contrato.

“.. não avança dentro do ministério se agente não compusesse com o grupo, que existe um grupo que trabalha só dentro do ministério, se a gente conseguisse algo a mais tinha majorar o valor da vacina, que a vacina teria queria que ter um valor diferente do que da proposta que a gente tava propondo..”, disse o representante da empresa.

Mensagens da negociação teriam sido realizadas entre Roberto Ferreira Dias (diretor de logística do Ministério da Saúde), Herman Cardenas (que aparece como CEO da empresa) e Cristiano Alberto Carvalho, que se apresenta como procurador dela.

“O importante é fazer o São João dentro de casa” diz Othelino Neto

O deputado Othelino Neto (PCdoB), presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, participou na noite de ontem, quinta-feira (24), da abertura do “Arraiá do Povo em Casa”, que segue até sábado, dia 26.

“Já são dois anos sem termos a satisfação de andar por São Luís aproveitando os arraiais e o melhor da nossa cultura popular. A ideia é diminuirmos a saudade de ver o Maranhão cheio de terreiros juninos, podendo curtir nossos grupos de bumba boi, quadrilha, cacuriás, dança português, enfim, todas brincadeiras que tanto gostamos (..) Estamos na segunda edição para que possamos não só prestigiar as nossas brincadeiras tradicionais, como também permitir que possamos curtir de forma diferente, em casa, com segurança e respeitando as normas sanitárias, ao lado de nossas famílias, saboreando comida típica. O importante é fazer o São João dentro de casa”, destacou Othelino.

O “Arraiá do Povo em Casa”, realizado pela Diretoria de Comunicação da AL-MA, que tem a frente o jornalista Edwin Jinkings, e transmitido pela TV Assembleia. O objetivo é colaborar para preservação da cultura maranhense.

A programação segue nesta sexta-feira (25) e sábado (26) com as seguintes atrações:

SEXTA 

BOI PIRILAMPO
DANÇA PORTUGUESA ARTE E BELEZA DE PORTUGAL
BOI NOVILHO BRANCO
BOI UNIÃO DA BAIXADA
BOI DE RIBAMAR
BOI DE ITAPERA

SÁBADO

BOI DE SONHOS
BOI DA PINDOBA
BOI DA LUA
QUADRILHA MOCINHA DO SERTÃO
BOI DE MARACANÃ
BOI BRILHO DA ILHA
BOI BAIRRO DE FÁTIMA

Distribuição da Janssen começa nesta sexta-feira dia 25 no Maranhão

O primeiro lote de vacinas da Janssen chegou ao Maranhão nesta quinta-feira (24), são 42.100 doses. Também chegou mais um lote da CoronaVac, com 81.000 doses. 

Os imunizantes começam ser enviados aos municípios nesta sexta-feira (25), iniciando pelas cidades da Grande Ilha: São Luís, Raposa, São José de Ribamar e Paço do Lumiar. 

Por orientação do Ministério da Saúde, as vacinas Janssen, de dose única, serão destinadas a 4,7% das pessoas com comorbidade e pessoas com deficiência permanente.

A vacina da Jassen será distribuída na proporção de 30% para São Luís, São José de Ribamar, Paço do Lumiar e Raposa e 70% para Imperatriz, Balsas, Caxias, Bacabal, Pinheiro, Coroatá, Açailândia, Santa Inês e Presidente Dutra.

A CoronaVac será distribuída para os 217 municípios para trabalhadores da Educação do Ensino Superior e pessoas com comorbidade e com deficiência permanente. Caso os municípios já tenham contemplado esses grupos, a campanha pode avançar por faixa etária, por ordem decrescente. 

O Maranhão totaliza 3.864.270 doses recebidas, sendo 1.304.540 da CoronaVac, 2.273.100 da AstraZeneca, 244.530 da Pfizer e 42.100 da Janssen.