Lula tem 47% e Bolsonaro 29% em agregador de dados do Estadão

O agregador de Pesquisas Eleitorais do Estadão usa dados de empresas, para calcular a Média Estadão Dados. A média de cada candidato não é a simples soma dos resultados e divisão pelo número de pesquisas.

O agregador controla diversos parâmetros e dá pesos diferentes aos levantamentos para impedir que números destoantes ou desatualizados puxem um dos concorrentes para cima ou para baixo.

A série histórica do agregador tem dados divulgados pelas seguintes empresas: Datafolha, Ipec (o antigo Ibope), Quaest, Paraná Pesquisas, Vox Populi, Sensus, MDA, PoderData, Ipespe, Ideia, Futura, FSB, Gerp e Real Time Big Data. As seis primeiras fazem pesquisas presenciais, ou seja, seus entrevistadores abordam as pessoas face a face, na rua ou em suas casas. As sete últimas promovem sondagens por telefone. O MDA usa os dois métodos.

Eleições 2022: partidos acreditam que Bolsonaro tentará golpe

Da Folha de SP

Partidos acreditam que o presidente Jair Bolsonaro (PL), poderá tentar um golpe eleitoral nas eleições deste ano. As siglas que se posicionarem são as seguintes: PT, União Brasil, MDB, PSDB, PDT, PSB, Novo e PSTU.

Procurados para falarem sobre a questão os presidentes da Câmara Federal, Senado, STF e MPF não se posicionaram. Algumas entidades também procuradas, mas apenas 2 responderam.

Entre as entidades que preferiram não se posicionarem estão: CNBB (Conferencia Nacional dos Bispos do Brasil; OAB (Ordem dos Advogados do Brasil); Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo); CNA (Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil); e a Febraban (Federação Brasileira de Bancos).

Falta apenas data e local para filiação de Brandão ao PSB

O deputado, Bira do Pindaré, presidente em exercício do PSB no estado, disse nesta segunda-feira, dia 14, que se reuniu com o vice-governador Carlos Brandão, para tratar da filiação do pré-candidato ao governo do Maranhão, apoiado pelo governador Flávio Dino (PSB).

Bira do Pindaré só não informou o dia e local, apenas que ocorrerá nos próximos dias.

“Não vamos manter preço da gasolina dolarizado”, diz Lula

O ex-presidente Lula (PT) confirmou nesta quinta-feira, dia 3, que vai mudar a política de preços da Petrobras. O petista lidera todas as pesquisas presidências para as eleições de 2022.

Segundo ele, não dá para “enriquecer acionista e empobrecer a dona de casa”. A fala de Lula foi durante entrevista concedida na manhã de hoje para uma Rede de Rádios do Paraná.

“Nós não vamos manter o preço da gasolina dolarizado. É importante que o acionista receba seus dividendos quando a Petrobrás der lucro, mas eu não posso enriquecer o acionista e empobrecer a dona de casa que vai comprar um quilo de feijão e paga mais caro por causa da gasolina”, disse Lula.

Sobre a eleição para o governo do Paraná, Lula disse que trabalhará pela candidatura do ex-senador e governador Roberto Requião (MDB-PR).

“Estamos comprometidos a apoiar no Paraná o companheiro Roberto Requião. Vou trabalhar para que ele seja candidato a governador e que o PT o apoie”, destacou Lula.

Roberto Requião anunciou a pré-candidatura ao governo do Paraná no último dia 11 de janeiro.

Camarão retira oficialmente pré-candidatura ao governo do MA

O secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão (PT), comunicou através de uma Carta Aberta ao partido dos Trabalhadores no Maranhão, nesta sexta-feira, dia 14, que não é mais pré-candidato ao governo do estado, retomando o projeto inicial de disputar uma vaga na Câmara Federal.

“.. pelo bem de um projeto nacional do nosso Partido dos Trabalhadores, no sentido de eleger o presidente Lula e construir uma forte bancada federal nas eleições de 2022; pela minha posição de aliado do governador Flávio Dino, que já apresentou o nome do vice-governador Carlos Brandão como sua escolha pessoal para sucessão ao governo do Maranhão e, neste sentido, não há como ser aliado e adversário ao mesmo tempo, venho manifestar através desta carta, a decisão de retirar minha pré-candidatura ao Governo do Maranhão, em 2022..”, destaca trecho da carta de Camarão ao PT.

Moro confessa que ‘Lava Jato combateu o PT com eficácia’

Da Folha SP

O pré-candidato à presidência da república, Sérgio Moro (Podemos), ex-juiz da Lava Jato e ministro do governo Bolsonaro, em entrevista nesta quarta-feira, dia 29, à Radio Capital FM, de Mato Grosso, confessou que ‘a Lava Jato combateu o PT de forma efetiva e eficaz’.

“..Tem gente que combateu o PT na história de uma maneira muito mais efetiva, muito mais eficaz. A Lava Jato..”, disse Moro.

Moro ao perceber o que havia dito recuou e tentou mudar sua declaração dizendo que a Lava Jato apenas descobriu os ‘esquemas de corrupção’.

Em junho deste ano o STF julgou e tornou Moro suspeito e parcial ao julgar Lula, quando atuou como juiz da Lava Jato contra o petista. Com isso, foram anuladas ações dos casos tríplex, sítio de Atibaia e Instituto Lula.

Eleições 2022: urnas mais modernas e avançadas

Do TSE

Máquinas mais modernas, rápidas e com arquitetura diferenciada. Essas são algumas das inovações e melhorias trazidas com o novo modelo de urna eletrônica (UE2020), que começou a ser produzido no mês de novembro no Brasil.

A empresa Positivo Tecnologia é a responsável pela fabricação dos 225 mil novos equipamentos, que já serão utilizados nas Eleições Gerais do próximo ano.

“Houve uma evolução muito grande em termos de arquitetura. Essa urna conta com terminal de mesários sensível ao toque, a bateria foi alterada para melhor. Nossa expectativa é que, por ter um custo de conservação muito menor que os modelos anteriores, a urna se pague diante do maior investimento financeiro feito pelo Tribunal (..) Esse novo modelo foi projetado para oferecer uma experiência de votação mais fácil e acessível aos eleitores e mesários. Além disso, a bateria de lítio não precisa de recarga; ela acompanha toda a vida útil da urna. Essa maior autonomia impacta diretamente em um menor custo de conservação. Nosso equipamento deve ser aprimorado de forma constante, principalmente em razão das alterações mercadológicas dos componentes eletrônicos e de computadores”, destaca Rafael Azevedo, coordenador de Tecnologia do TSE.

O objetivo é dar continuidade à renovação do parque de urnas e complementar o quantitativo necessário para suprir eventual crescimento do eleitorado. A estimativa atual de renovação é de aproximadamente 300 mil unidades, a cada eleição, é necessário substituir urnas antigas que já ultrapassaram 10 anos de uso ou foram usadas em seis eleições ordinárias.

Flávio Dino dar posse a Madeira na Gasmar nesta quinta, dia 14

O ex-prefeito e deputado federal, Sebastião Madeira, toma posse no governo Flávio Dino, nesta quinta-feira, dia 14, na GASMAR em solenidade no Palácio dos Leões. Ex-prefeito de Imperatriz é forte liderança política na região tocantina.

Com presença confirmada do governador Flávio Dino, além de Sebastião Madeira (Companhia Maranhense de Gás), também tomarão posse Diego Galdino (Casa Civil); Marcela Mendes (Secretaria de Estado de Governo); Ricardo Barbosa (Secretaria de Estado de Articulação Política), Ana do Gás (Secretaria de Estado da Mulher).

Flávio Dino anuncia Sebastião Madeira na presidência da Gasmar

Liderança política na região tocantina, o ex-prefeito de Imperatriz e ex-deputado federal, Sebastião Madeira, passará a integrar o governo do estado.

O anuncio foi realizada na manhã desta quarta-feira, dia 6, pelo governador Flávio Dino (PSB), nas redes sociais.

“..blefe para plateia cada vez menor..”, Eliziane sobre ‘live bomba’ de Bolsonaro

A senadora Eliziane (Cidadania-MA), lamentou na noite desta quinta-feira, dia 29, o esforço desesperado do presidente Bolsonaro em desqualificar ‘sem provas’ o sistema eleitoral brasileiro.

Segundo a senadora, o presidente ‘se transformou em alguém sem nenhuma credibilidade’.

“Em uma live c/ videos requentados e teorias delirantes, o presidente ñ provou absolutamente nada contra as urnas eletrônicas. Mais um blefe p/uma plateia cada vez menor e mais radical. É o remake da cloroquina. O presidente se transformou em alguém sem nenhuma credibilidade”, cravou Eliziane Gama.

O presidente convocou a população e imprensa, desde que não fizessem perguntas, para acompanharem hoje sua ‘live bomba’ quando provaria ‘fralde’ nas Eleições realizadas através das urnas eletrônicas, mas o que aconteceu foi o mais do mesmo.