Márcio Jerry protocola convocação para General explicar ‘espionagem’

 

jerry cn
Deputado Federal Marcio Jerry (PCdoB-MA)

O deputado federal Márcio Jerry (PCdoB-MA), protocolou nesta terça-feira (12), junto a Mesa Diretora da Câmara dos Deputados, requerimento convocando o General Augusto Heleno (Ministro do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República), para esclarecer a denuncia de ‘espionagem’ publicada no Jornal O Estado de São Paulo, no último domingo (10).

De acordo com a publicação o governo federal através da Agência Brasileira de Informações (ABIN)  realizou ‘espionagem’ de atividades de membros da CNBB (Conferencia Nacional do Bispos do Brasil), em Belém, Manaus, Marabá e sudoeste de Boa Vista. Ainda segundo a denuncia o governo Bolsonaro vê a Igreja Católica como sua potencial opositora.

para o deputado Marcio Jerry a denuncia da atividade é gravíssima, por essa razão tomou a iniciativa de solicitar a convocação do general Augusto Heleno para prestar os esclarecimento à Câmara Federal. Difícil será ser aprovado, considerando o número de apoiadores do governo Bolsonaro no Congresso.

protocolo ABIN

Márcio Jerry vai solicitar explicações sobre espionagem na CNBB

 

MARCIO CAMARA
Deputado Federal Márcio Jerry (PCdoB)/Foto: Reprodução

jerri abimO governo Bolsonora parece mesmo vocacionado a polêmicas, nesta semana deverá enfrentar mais uma, desta vez com a Igreja Católica. O deputado federal Marcio Jerry (PCdoB-MA), informou nas redes sociais que apresentará nesta segunda-feira (11), à Mesa da Câmara Federal convocação ao general Augusto Heleno (Ministro-Chefe do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência do Brasil), para explicar a denuncia de espionagem na CNBB, publicada neste domingo(10) no Jornal O Estado de SP.

Manifestações de preocupação e protestos em relação ao trabalho do (GSI), tendo como alvo a Igreja Católica foram destacadas por vários políticos. Entre eles, o Senador Randolfe Rodrigues(Rede-AP), que considerou a medida autoritária e desrespeitosa e uma ameaça à divergência imprescindível à democracia.

randolf Abin

Os trabalhos quando forem retomados nesta semana que se inicia no Congresso Nacional, o governo Bolsonaro vai está diante de mais um debate que poderá aumentar o desgaste do governo e envolvê-lo em mais uma polêmica, agora politico-religiosa.

Bira do Pindaré faz sua estréia na tribuna da Câmara Federal

 

Parlamentares federais eleitos pelo Maranhão, aos poucos vão se apresentando ao país no Congresso Nacional e definindo as bandeiras que pretendem defender. Entre os novos membros da bancada já utilizaram a tribuna da Câmara Federal os deputados Márcio Jerry (PCdoB) e Bira do Pindaré (PSB).

Márcio Jerry anuncia continuidade da luta, mas agora em Brasília

 

marcio brasilia
Márcio Jerry e Flávio Dino/Foto: Reprodução

Para quem ainda tinha dúvidas sobre a permanência de Márcio Jerry, na equipe do governador Flávio Dino, acabou nesta segunda-feira (28). Através de sua conta no twitter ele anunciou que continuará a lutar em favor do Maranhão e do governo que ajudou construir, mas em outra frente.

jerry

Amigo pessoal e aliado de Flávio Dino desde os primeiros passos na política, apesar de experiente militante político será a primeira vez que Márcio Jerry exercerá um mandato credenciado pelas urnas. Almejando voos mais altos, na Câmara Federal terá um espaço importante para seus objetivos onde pretende ser uma das vozes mais destacadas do Maranhão. Márcio Jerry deixará comando da SECAP (Secretaria de Estado da Comunicação e Articulação Política), onde exerceu função estratégica no governo Flávio Dino.

marcio 2

Bira do Pindaré resume resultado da agenda do governo em Brasília

 

bira 4
Deputado Bira do Pindaré ao lado do governador em exercício Carlos Brandão em reunião com ministro Marcos Pontes (Ciência e Tecnologia) em Brasília.

Eleito para o primeiro mandato de deputado federal com 99.598 votos, Bira do Pindaré (PSB), advogado e ex-bancário já adotou todas medidas formais para inicio dos trabalhos em Brasília, faltando apenas a posse que acontecerá no próximo dia 1º fevereiro.

dwlsigjwwaimj-yEleito deputado federal, após dois mandatos no Parlamento Estadual do Maranhão, a expectativa com relação a sua atuação em brasília é muito positiva. Ele é considerado reforço importante para a bandada maranhense e aliado de confiança do governador Flávio Dino (PCdoB).

O parlamentar é taxativo ao afirmar que não será mais um na capital federal e garante uma atuação firme e forte em defesa do Brasil e o Maranhão. Considerado bom tribuno com experiência em áreas sociais, onde iniciou sua atuação política, o parlamentar tem ainda posições muito claras em relação as pautas polêmicas hoje em debate no país.

Bira do Pindaré aproveitou o recesso para se ambientar na capital federal e entender melhor a rotina da nova fase na política, inclusive participando de importantes agendas de interesse da Câmara Federal e do Maranhão em Brasília, como as reuniões esta semana do governo do estado nos ministérios da Infraestrutura e da Ciência e Tecnologia.

Abaixo o parlamentar faz um resumo das reuniões com os ministros Tarcísio Freitas e Marcos Pontes. Ouça aqui o áudio:

Eleição: Rodrigo Maia se reúne com deputados maranhenses em São Luís

 

brasilia
Deputados maranhenses reunidos com Rodrigo Maia (Presidente da Câmara dos Deputados)/Foto: Reprodução

Parte da bancada maranhense em Brasília se reuniu nesta segunda-feira (7), com o deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), candidato à reeleição para Presidência da Câmara Federal.

Participaram os deputados federais reeleitos Juscelino Resende(DEM) e Rubens Pereira Jr.(PCdoB), e o senador eleito Weverton Rocha(PDT), além dos eleitos para o primeiro mandato Marcio Jerry (PCdoB), Bira do Pindaré (PSB), Pedro Lucas Fernandes, Eduardo Braid (PNM) e Edilazio Júnior (PSD).

O almoço que reuniu os parlamentares com o Presidente da Câmara, Rodrigo Maia, teve como prato principal a eleição da Mesa Diretora da Câmara dos Deputados. O deputado eleito Marcio Jerry definiu nas redes sócias a reunião como ótima.

“Participei hoje de almoço oferecido pelo presidente estadual do DEM, deputado Juscelino Filho, ao presidente da Câmara dos Deputados e candidato à reeleição, Rodrigo Maia. Uma ótima conversa sobre a eleição da Mesa da Câmara.”, Marcio Jerry.

Os deputados eleitos para a 56ª legislatura da Câmara dos Deputados serão empossados no dia 1º de fevereiro de 2019, sexta-feira, às 10h, em sessão no Plenário Ulysses Guimarães. A eleição para Mesa Diretora da Câmara acontece em seguida.

Criação do bloco formado por PCdoB, PSB e PDT incomodou Bolsonaro

 

oposição-a-Bolsonaro
Foto: Reprodução

Sem a participação do PT que contará com 56 parlamentares na próxima legislatura na Câmara Federal, as siglas partidárias também de esquerda PDT, PCdoB e PSB anunciaram nesta quinta-feira (20), a criação de um bloco de oposição ao governo Bolsonaro. Os três partidos juntos contarão com 69 deputados.

O acordo foi assinado pelos líderes André Figueiredo (PDT-CE), Orlando Silva (PCdoB-SP) e Tadeu Alencar (PSB-CE). Um dos objetivos centrais da união dos partidos será criar uma nova alternativa de poder no campo da esquerda.

O presidente eleito Jair Bolsonaro ao ser informado da união dos três partidos reagiu com ironia através da sua conta no twitter. A reação imediata do presidente eleito foi considerada positiva pelo bloco, para eles, sinal que a criação do grupo já está incomodando o futuro governo, antes de começar atuar oficialmente no Congresso Nacional.

Screenshot_2018-12-20-17-52-41-1

bloco